Marketing de Afiliados: o que é e como fazer

Você já ouviu falar sobre marketing de afiliados?

Uma explicação simples é: uma pessoa vende o produto de terceiros, em troca de uma comissão por cada venda realizada.

Esse modelo de negócios deu tão certo que, hoje em dia, existem vários e-commerces que abrem seus produtos para afiliação com o intuito de fazer mais vendas.

No post de hoje, falaremos mais sobre marketing de afiliados e as diferentes formas de gerar renda a partir dessa atividade.

Se você tem interesse em se tornar um afiliado ou quer atrair pessoas para divulgarem seu produto, essa é a oportunidade de tirar suas dúvidas!

Quando começou o marketing de afiliados?

Sabe aquela vizinha sua que vende produtos anunciados em revistas? Ela pode não saber, mas ela faz parte de um programa de afiliados.

Isso significa que mesmo antes do boom da internet, a figura do afiliado já existia. A diferença é que essa pessoa que ia de casa em casa vender produtos tinha mais dificuldade para escalar suas vendas.

Apesar de antigos, esses programas são muito populares até hoje. Você consegue encontrar pessoas que se associam para vender produtos de marcas como Avon, Natura, Jequiti, Mary Kay, Herbalife, entre outras.

Surgimento do marketing de afiliados na internet

A afiliação de produtos na era digital surgiu com a Amazon, gigante norte-americana do segmento de varejo.

Os produtos disponíveis na plataforma eram abertos para afiliação. À medida que o usuário tinha seu cadastro aprovado, a plataforma gerava um link de afiliado para que ele pudesse divulgar o produto.

Esse link era usado para identificar a origem da compra e, após confirmado o pagamento, parte do valor era repassado para o afiliado.

Como na época não existiam redes sociais e nem todo mundo tinha um computador com acesso à internet, o volume de vendas era bem menor se comparado com hoje.

Mesmo assim, muitas pessoas viram o potencial de gerar renda trabalhando com vendas online. Esse é um dos motivos para o marketing de afiliados ter evoluído tanto ao longo dos anos.

O que motiva no marketing de afiliados?

O que é marketing de afiliados

Um dos principais atrativos do programa de afiliados é que ele não requer investimento nenhum no início. Logo, você pode começar a trabalhar como afiliado imediatamente.

Nesse modelo de negócios, você também tem mais liberdade para definir seus horários. Você pode trabalhar em casa e, inclusive, consegue realizar essa atividade paralela a outras, caso você tenha um emprego fixo e esteja em busca apenas de uma alternativa para gerar mais renda.

Atualmente, existem várias plataformas que trabalham com esse modelo de negócio, inclusive a Hotmart, que é especializada na venda de cursos online.

Quais são as vantagens de trabalhar com marketing de afiliados?

Você quer saber se o marketing de afiliados é interessante para você?

A seguir, listamos algumas vantagens desse modelo de negócios tanto do ponto de vista do afiliado quanto de quem vende o produto.

Escolha seu lado!

Vantagens para o afiliado

1. Vendas escaláveis

Se você trabalhasse em uma loja física, gastaria tempo para abordar uma pessoa e saber se ela está interessada em fazer a compra.

Caso o cliente estivesse indeciso, você ainda teria que mostrar outras opções de produtos, aguardar a pessoa experimentá-lo e encaminhá-la ao pagamento. Tudo isso para fazer uma venda apenas.

No caso de vendas online, o mesmo link de afiliado pode resultar em múltiplas transações. Sendo assim,  você consegue ganhar dinheiro de maneira recorrente, sem precisar investir mais tempo e investimento em divulgação. Ou seja, o marketing de afiliados é um modelo de negócios altamente escalável.

2. Rotina flexível

Sua rotina como afiliado dependerá de alguns fatores, entre eles, se essa função é sua principal fonte de renda ou apenas um complemento.

Se você atuar apenas com isso, terá mais liberdade para organizar seus horários e poderá trabalhar de qualquer lugar, desde que tenha um computador com acesso à internet.

Por isso, ser afiliado é uma opção interessante para quem deseja ter um negócio próprio e, ao mesmo tempo, passar mais tempo com a família.

Mas, lembre-se que inicialmente você precisará se dedicar mais à atividade, até se estabelecer como uma autoridade em seu nicho de atuação.

Quando você construir uma audiência fiel, poderá focar na otimização.

3. Não precisa ser especializado

Para trabalhar como afiliado não é preciso ter um curso superior no assunto. O mais importante nessa profissão é saber utilizar sua influência e seu poder de persuasão para indicar produtos ou serviços que sua audiência pode realmente gostar.

Desde que você conheça bem seu público, é mais fácil selecionar produtos ou serviços que solucionam as dores dele.

Vantagens para o produtor

1. Menor esforço de divulgação

O empreendedor que opta pelo marketing de afiliados economiza tempo e dinheiro com a divulgação de seus produtos, já que outras pessoas estão desempenhando essa tarefa.

Com isso, ele consegue ter mais tempo para investir em melhorias no produto ou solução.

Imagine o tempo que você gasta para fazer um post nas redes sociais, responder dúvidas de usuários e acompanhar o desempenho da publicação.

Com o marketing de afiliados, esse fluxo não faz parte de sua rotina mais, pois ele é, geralmente, absorvido pelos produtores responsáveis pelo conteúdo.

2. Possibilidade de fazer mais vendas

Quanto maior a exposição de seu produto, mais gente acessará seu site. Sendo assim, maiores serão as suas chances de fazer vendas, o que é, basicamente, o objetivo de qualquer empreendedor.

3. Atingir uma audiência segmentada com baixo investimento

Se você, sozinho, envia 100 pessoas para seu site diariamente, imagine como seria seu tráfego se mais cinco pessoas ajudassem na divulgação?

O pagamento só seria efetuado caso a divulgação deles resultasse em uma venda. Ou seja, é uma relação win-win: você faz mais vendas e os afiliados ganham mais comissões.  

Como fazer marketing de afiliados?

Agora que você já entendeu que o marketing de afiliados pode ser uma atividade vantajosa, vamos explicar os primeiros passos para quem está começando nesse mercado.

Assim como no tópico anterior, dividiremos esse processo entre afiliado e empreendedor.

Primeiros passos para o afiliado

1. Escolha um programa de afiliados

Nesse momento, você deve estar pensando “como eu vou garantir que serei recompensado pelas vendas que realizar?

É aí que entram os programas de afiliados. São eles que garantem que as compras feitas por meio de seu link de divulgação sejam atribuídas a você. Além disso, eles fazem o repasse do valor da comissão, eliminando a necessidade do afiliado entrar em contato com o vendedor do produto.

É importante que você pesquise bastante antes de escolher o programa de afiliados mais adequado para você.

A maioria das plataformas de vendas online trabalham com comissões entre 4% e 8% do valor total da venda.

2. Escolha os produtos

Depois de escolher seu programa de afiliados, você pode divulgar qualquer produto, desde que ele esteja disponível para afiliação. Isso porque terão casos em que o produtor preferirá embolsar o valor das vendas sozinho.

Na Hotmart, por exemplo, os produtos são qualificados de acordo com sua temperatura, sendo o “quente” usado para denominar produtos em alta, e o “frio” para os produtos que estão em baixa.

Essas avaliações são importantes para facilitar sua escolha, mas não devem ser o único fator considerado na hora de se afiliar a um produto.

Pode parecer sem sentido, mas um produto bem qualificado na plataforma de vendas pode não ter impacto com sua audiência, se o tema não for de interesse dela. É como um adestrador de cães tentando vender um produto de maquiagem para mulheres.

Portanto, a escolha dos produtos deve ser baseada nos interesses das pessoas que te acompanham e, principalmente, no assunto que você aborda em seu blog ou redes sociais.

3. Escolha os canais certos para divulgar

O bom afiliado é aquele que marca presença onde sua audiência está, seja no blog, nas redes sociais ou no e-mail.

Se você já tem um site sobre um assunto relacionado ao produto que venderá, este é, sem dúvida, um bom canal para compartilhar seu link de afiliado.

Mas se você trabalha como um influenciador digital, seu ponto forte são suas redes sociais. Portanto, as chances de seus seguidores verem um link em seu canal no YouTube ou em sua página no Facebook são muito maiores do que se você utilizasse outros meios para sua divulgação.

Para saber mais sobre como determinar os canais certos para fazer sua divulgação, leia nosso texto sobre personas.

Primeiros passos para o empreendedor  

1. Escolha entre afiliação aberta ou fechada

Existem dois modelos de afiliação hoje: aberta e fechada. A afiliação aberta é quando você permite que qualquer pessoa se afilie a seu produto. Já a afiliação fechada é aquela que depende de moderação do empreendedor, ou seja, você pode permitir ou não que outras pessoas divulguem seu produto.

2. Atraia seus afiliados

Para ganhar dinheiro com marketing de afiliados, você precisa garantir que bons afiliados queiram divulgar seu produto.

As dicas a seguir podem te ajudar:

3. Ofereça boas comissões

O afiliado tem que sentir que ele é um parceiro de seu produto. Se o valor que você oferece é muito baixo, as pessoas não verão vantagem em divulgá-lo.

4. Relacione-se

Ações de relacionamento também são bem-vindas para manter seus afiliados engajados, como eleger o melhor afiliado do mês ou do semestre.

5. Ofereça materiais completos

As informações contidas em sua página de vendas devem ser precisas e completas. Portanto, você deve deixar claro: para quem seu produto se destina, qual o problema que ele soluciona, entre outros dados. Isso vai ajudar os afiliados a embasar seus argumentos de venda. 

Assegure-se também de fornecer boas imagens. Afinal, uma página com aparência profissional conta pontos para a experiência dos clientes.

Marketing de afiliados vale a pena?

O que é marketing de afiliados

Se você chegou até aqui, deve ter percebido que o marketing de afiliados, quando bem feito, tem muito potencial para gerar renda tanto para o afiliado como para os produtores digitais.

Se você tem mais interesse pelo assunto, aproveite para ler nosso guia completo de como fazer sua primeira venda como afiliado.

*Guestpost produzido pela equipe da Hotmart.