notícias-fiscais
NEWS

Notícias Fiscais 7 de Dezembro 2020

Atualizado há mais de 1 semana

Nas notícias de hoje, você terá acesso às seguintes novidades, acompanhe:

  • MG: Manutenção no ambiente de infraestrutura da SEF-MG
  • Publicação do programa EFD ICMS IPI versão 2.7.0
  • MG: SEF e PBH aderem ao Integrador Estadual da Redesim
  • eSocial: Governo vai lançar versão web para micro e pequena empresa

MG: Manutenção no ambiente de infraestrutura da SEF-MG

Informamos que, em função de manutenção no ambiente de infraestrutura da SEF-MG, poderão ocorrer instabilidades ou intermitências no ambiente da NF-e e CT-e no período de 04 de dezembro a partir das 18:00 até 07 de dezembro às 08:00. As contingências da NF-e e CT-e estarão acionadas durante todo este período.

Fonte: SPED MG

Publicação do programa EFD ICMS IPI versão 2.7.0

Foi disponibilizada a versão 2.7.0 do PVA EFD ICMS IPI, com as alterações do leiaute válido a partir de janeiro de 2021.

Download por meio do link

 A versão 2.6.9 poderá ser utilizada para transmissão dos arquivos da EFD até 31/12/2020. A partir de 1º de janeiro de 2021, somente a versão 2.7.0 estará ativa.

Fonte: SPED/GOV

MG: SEF e PBH aderem ao Integrador Estadual da Redesim

A Junta Comercial do Estado de Minas Gerais dá mais um passo no processo de desburocratizar e simplificar a formalização de empresas, favorecendo e incentivando o empreendedorismo no nosso estado. 

Com o encerramento da segunda etapa de coleta de dados pelo Cadastro Sincronizado, a partir do dia 10/12/2020, as informações de registro de empresas passarão a ser coletadas pelo Integrador Estadual da Redesim. 

Com isso, a Secretaria de Estado da Fazenda e a Prefeitura de Belo Horizonte passam a fazer parte do Integrador Estadual, sistema desenvolvido pela Junta Comercial de Minas Gerais (Jucemg).

O Integrador Estadual é responsável por efetivar a política nacional da Redesim em solo mineiro ao integrar e agilizar os órgãos e entidades federais, estaduais e municipais envolvidos no processo de registro e licenciamento de empresas.

Para informar e debater questões relativas a este inovador processo, foi realizada na quarta-feira (2/12) uma live, transmitida por meio da plataforma Microsoft Teams. 

O evento on-line, aberto ao público e voltado para os contribuintes, contou com apresentações de representantes da SEF/MG, da Jucemg, da Secretaria Municipal de Fazenda de Belo Horizonte (SMFA-BH) e da Receita Federal do Brasil (RFB), órgãos parceiros na implantação da Redesim, cujo objetivo principal é simplificar todos os processos de formalização dos empreendimentos no estado.

Atualmente, este processo conta com quatro etapas: consulta de viabilidade; coleta de dados; registro e licenciamento. 

Com o Integrador Estadual, o tempo para regularização de uma empresa passa de alguns dias para poucas horas, considerando-se que não haja nenhuma pendência. 

O sistema da Redesim em Minas é composto pela Receita Federal, Corpo de Bombeiros, Vigilância Sanitária Estadual (Secretaria de Estado de Saúde), Cartórios, OAB e mais de 300 prefeituras.

Nesta nova etapa, a Secretaria de Estado de Fazenda de Minas Gerais e a Prefeitura de Belo Horizonte, antes vinculados ao Cadastro Sincronizado, também passarão a integrar diretamente ao sistema. 

Com a Redesim, as empresas consideradas pela SEF/MG de baixo risco fiscal terão seus pedidos de inscrição estadual, alteração ou baixa deferidos automaticamente.

Redesim

Em Minas Gerais, 306 municípios estão integrados à Redesim, o que representa quase 90% de todo o movimento empresarial no Estado, além da ampliação da Sala Mineira do Empreendedor. 

Neste ano, 28 salas foram implantadas, de um total de 240 em funcionamento em Minas.

A Sala Mineira é um ponto de apoio dos municípios em relação ao empreendedorismo e à Redesim. 

Criada pela Lei Federal 11.598/2007, a Redesim tem como objetivo integrar e simplificar o processo de formalização de pessoa jurídica, permitindo que o registro e o licenciamento sejam realizados de forma linear e digital. 

A Jucemg é a entidade responsável pela gestão dessa política em Minas Gerais.

Acesse: https://redesim.mg.gov.br/

Fonte: Contabilidade na TV

eSocial: Governo vai lançar versão web para micro e pequena empresa

O governo vai fazer uma nova rodada de ajustes no eSocial. No próximo ano, será lançada uma versão web do eSocial destinada a micro e pequenas empresas.

A ideia é que a atualização permita que o usuário apresente, diretamente na plataforma do governo, as informações dos funcionários nos mesmos moldes do empregador doméstico e MEI (Microempreendedor Individual).

O foco é atender companhias com até 50 funcionários, o que representa 70% dos empregadores do país.

Simplificação eSocial

Ainda em 2021, a substituição de obrigação acessória será intensificada. Neste ano, foram substituídas seis obrigações e no próximo ano deixarão de ser exigidas outras oito:

- Comunicação de Acidente de Trabalho (CAT);

- Comunicação de Dispensa (CD);

- Perfil Profissiográfico Previdenciário (PPP);

- Declaração do Imposto de Renda Retido na Fonte (DIRF) ;

- Declaração de Débitos e Créditos Tributários Federais (DCTF) ;

- Manual Normativo de Arquivos Digitais (MANAD);

- Folha de pagamento;

- Guia de Recolhimento do FGTS (GRF).

Até o fim deste ano, o governo ainda quer permitir que o empregador possa fazer o registro de seu funcionário no momento em que faz o registro da empresa na junta comercial.

"Essa será uma das últimas entregas deste ano. Até dia 30 de dezembro entra no ar", disse ao Valor o secretário Adjunto de Trabalho, Ricardo de Souza Moreira.

Fonte: Portal Contábeis


Por hoje é só. Se você quer receber as últimas notícias fiscais em 1ª mão, é só participar do nosso canal do Telegram!

Rafael Versiani - Escritor, produtor de conteúdos, entusiasta da vida real e amante de ficção científica!
Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Já conhece nosso canal de notícias fiscais no Telegram?
Ilustração de personagem assinando newsletter

Receba conteúdos automágicos sobre o seu mercado por email em primeira mão!

Utilizamos nossa tecnologia para dar mais liberdade às empresas que querem crescer rapidamente focando no que fazem de melhor no mundo, enquanto cuidamos de suas notas fiscais.