Melhores tendências em criação de conteúdo para 2024

Atualizado há mais de 1 semana

O final de ano reserva para as pessoas certas tradições. Sejam elas sobre o que vestir na virada ou mesmo saber o que esperar para o novo ciclo. No mercado digital é parecido e por que não estudar as melhores tendências em criação de conteúdo.

2023 foi um ano de muita discussão e já dá para ter uma noção do que esperar para 2024. Uma dessas tendências já está na ponta da língua: IA.

Mas, será que é só isso? O que creators de conteúdo podem esperar para 2024? Você terá uma ajuda agora.

Quais as melhores tendências em criação de conteúdo para 2024?

Em 2022, muitos creators apostaram em temas que poderiam despontar em 2023. Um deles foi certeiro, como a IA. A inteligência artificial ganhou os debates sobre o seu uso e aperfeiçoamento.

Outros temas não tiveram tanto fôlego, como o metaverso. A realidade aumentada, ainda que discutida, perdeu espaço para a criação de conteúdos automatizados — que, no fim das contas, trouxe mais praticidade para a vida das pessoas.

Agora, em 2024, alguns temas são ventilados como sendo fortes candidatos a protagonizar o mercado de criação de conteúdo. Confira quais são eles.

IA e Produtividade

Aqui está a IA novamente. Se num primeiro momento a Inteligência Artificial foi debatida para despertar o seu uso e aperfeiçoamento, passando por questões éticas e morais, inclusive, em 2024 o debate poderá ser outro: o da produtividade.

2023 finaliza com boa parte do mercado debatendo como a IA pode otimizar processos de criadores e alguns dados já indicam sinais. O Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT) indicou que o uso de ferramentas de IA poderiam aumentar a produtividade em 14%.

Aqui no Brasil, a RD Station, em seu Panorama de Marketing 2023, apontou que 73% das pessoas que participaram do estudo já entenderam que a IA é uma ferramenta de produtividade.

A IA para a criação de conteúdos já traz alguns benefícios importantes, como:

  • Insights para tópicos a serem abordados em um texto;

  • Dicas de formatos para criar conteúdo em rede social;

  • Indicações de títulos instigantes para e-mail.

É claro que usar a IA para criar seus conteúdos não basta: é preciso compreendê-lo e adaptá-lo para sua realidade.

Mais uma vez, a IA promete para 2024.

Confira também: Como escrever um e-book usando IA? 

Os microinfluenciadores

O marketing de influenciadores é uma estratégia que está em voga há alguns anos. E em 2024, ela pode passar por uma remodelação: o de microinfluenciadores.

O grande sucesso dos influenciadores é a sua capacidade de se aproximar com o público, seja por semelhanças de vidas ou de opiniões do cotidiano.

Mas acontece que esses grandes influenciadores são cada vez mais celebridades e com uma audiência enorme.

Os microinfluenciadores possuem uma audiência menor, mas se aproximam mais dela. Por isso, a criação de conteúdo para pessoas do “dia a dia”, com questões e dores da rotina da maioria das pessoas, pode dar uma guinada na estratégia de marketing de influenciadores.

Isso porque a qualificação desse público poderá ser maior.

Você pode saber melhor conferindo este artigo Marketing de influenciadores: como escolher os profissionais certos 

[EXCLUSIVO]

O segredo do sucesso no digital

Estratégia revelada de Victor Brience no Instagram para conquistar 100 mil alunos e alcançar o TOP 400 creators globais da Hotmart!

victor_brience


Humanização

A tendência de produzir com mais eficiência os conteúdos por IA por consequência tem o desafio de torná-los mais humanizados.

A produção em larga escala por IA em busca de mais produtividade não pode ser a desculpa para tornar seus conteúdos mais pragmáticos, pelo contrário.

É cada vez mais buscado que as produções tenham uma certa familiaridade, seja no tom de voz ou mesmo nos temas abordados, com o público. São ingredientes que só geram resultados se o conteúdo for humanizado.

A humanização sempre foi um desafio para certos negócios que viram na criatividade e autenticidade maneiras de alcançá-los.

Como a IA, isso deve crescer ainda mais, com uma tendência de se usar as relações, a naturalidade e o repertório do público para romper a barreira da padronização que a Inteligência Artificial pode gerar.

Conteúdo para comunidades

Essa tendência também é uma soma de fatores de alguns outros tópicos que devem ser bem discutidos em 2024.

A HubSpot publicou uma pesquisa afirmando que as pessoas que trabalham com marketing acreditam que a comunidade é uma ótima maneira de criar sucesso em suas campanhas, já que 1 a cada 5 usuários de redes sociais possuem ao menos uma ativa.  

O conteúdo para comunidades é uma maneira de aproximar ainda mais de seu público. É um jeito de unir pessoas com um interesse comum e debater com elas.

As comunidades tendem a gerar insights para encontrar soluções mais próximas da realidade de seu público.

Essas conexões podem ser feitas via Facebook, WhatsApp, Twitter e o Telegram, por exemplo.

Não perca tempo e confira essas dicas para anunciar no Facebook Ads.

Dados de inteligência

Por fim, uma dica que tem sido debatida ao longo dos últimos anos e não deve ser diferente em 2024.

Isso porque o número de ferramentas possíveis para analisar dados de seu negócio, do público e até mesmo de seu produto continuará a crescer ano após ano.

Com a possibilidade de gerar produtividade em rotinas de criação por conta da IA, as pessoas podem se aprimorar nestas ferramentas e gerar insights preciosos para seu crescimento.

Com dados de inteligência aprimorados e pessoas cada vez mais familiarizadas com elas, será possível entender comportamentos e indicar as melhores soluções para cada uma delas, desde criar campanhas personalizadas a aprimorar o produto para atender especificamente cada necessidade.

Ferramentas de automação, CRM e o Power BI serão o centro dessa tendência.

Por que ficar atento às tendências em criação de conteúdo para 2024?

Quem produz conteúdo para sua empresa ou mesmo por demanda não pode ignorar as tendências de criação de conteúdo em 2024.

Isso porque elas podem indicar mudanças no mercado, desde cenários do nicho a comportamento do consumidor.

Essa é uma premissa importante para se manter competitivo no meio e não ficar para trás quando se comparado aos seus concorrentes, por exemplo.

Para empresas, essas tendências podem indicar novas formas de compreensão de seu público como canais a serem explorados.

Acompanhar as tendências em criação de conteúdo é certamente algo que toda empresa e profissional devem se atentar não apenas na virada de ano, mas sempre.

Isso porque novidades surgem o tempo todo, podem gerar mais insights e modos de aperfeiçoar seu conteúdo.

Por isso é importante sempre ficar de olho em eventos, conteúdos de empresas especializadas em seu ramo e, claro, na concorrência.

O benchmarking pode ser uma dessas formas de se aperfeiçoar ao longo do tempo, sem esperar a virada do ano para acompanhar as tendências. Leia mais no artigo do link.

Jornalista, escritora e pós-graduanda em Comunicação Digital e Mídias Sociais.

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Utilizamos nossa tecnologia para dar mais liberdade às empresas que querem crescer rapidamente focando no que fazem de melhor no mundo, enquanto cuidamos de suas notas fiscais.