ticket-médio
NEGÓCIOS

Ticket Médio: Descubra a importância desse indicador para as suas vendas

Atualizado há mais de 1 semana

Ticket Médio: Descubra a importância desse indicador para as suas vendas

 

Existem muitas métricas e estratégias importantes para empresas, independente de porte e de segmento, e o Ticket Médio é uma dessas que merece destaque!

Por meio dele é possível melhorar resultados, planejar metas assertivas e obter lucros ainda maiores.

Esses indicadores de desempenho (KPIs) são fundamentais para acompanhar a saúde financeira da empresa e entender o comportamento do consumidor.

Se você quer entender melhor sobre o assunto e descobrir como o Ticket Médio pode te ajudar a vender mais, então não deixe de conferir este post! 

O que é Ticket Médio?

O Ticket Médio é um tipo de métrica que busca mostrar qual o valor médio de consumo de cada cliente no seu estabelecimento.

Vale dizer, que esse valor pode ser visto de várias maneiras: individualmente para cada cliente, por período, ou ainda, como uma média de todos os clientes.

Ou seja, é uma espécie de indicador que mostra o comportamento dos usuários com a marca, além de servir como um guia para entender a satisfação desses clientes com a empresa.

Desta forma, você poderá obter informações relevantes sobre o montante das suas vendas e o número de clientes que geraram esse resultado, por exemplo.

Neste cenário, dependendo do que você quer analisar em seu negócio, poderá ser usado um tipo diferente de ticket médio, que irá ajudá-lo a definir um planejamento estratégico de metas para que você consiga aumentar suas vendas.

Qual a importância do Ticket Médio?

O ticket médio é considerado uma das métricas mais importantes de um negócio, pois fornece ao gestor informações essenciais para que seja elaborada as ações de vendas, melhorando os resultados.

 Além disso, ele pode ser uma estratégia para mensurar a performance de um vendedor:

Se ele fez mais de uma venda para um mesmo cliente em determinado período, pode-se avaliar melhor seu desempenho em cada negociação efetuada, por exemplo.

Por outro lado, o ticket médio também pode ser um meio útil de se avaliar quais são os clientes mais importantes do seu negócio, aqueles que mais contribuem para seu faturamento e lucratividade.

Como calcular o Ticket Médio de vendas?

Para calcular o ticket médio de vendas você precisa ter em mente que é possível executar essa ação de duas formas distintas: com base no número de vendas, e com base no número de clientes. Acompanhe:

Como calcular o ticket médio de vendas com base no número de vendas?

Antes de fazer o cálculo desse ticket médio, imagine a seguinte situação:

  • Volume Total de Vendas no período, ou Venda Totais (VT) de uma empresa: R$ 10.000,00

  • Número de Clientes que Compraram nesse período (C): 123

  • Número de Vendas Realizadas (V): 227

Beleza, agora, para calcular o ticket médio de vendas com base no número de vendas, você deve dividir o Volume Total de Vendas pelo Número de Vendas Realizadas.

A fórmula pode ser representada desta forma, veja:

TMv = VT / V

TMv = 10.000 / 225

TMv = R$ 44,44

Portanto, podemos dizer que no período estudado, cada venda gerou – em média – para a empresa, o valor de  R$ 44,44.

Esse resultado pode gerar uma série de análise, além de ser capaz de servir como um norte para a elaboração de novas estratégias.

Como calcular o Ticket Médio de vendas com base no número de clientes?

Este é um método que pode te ajudar a definir os seus clientes-chave, que geralmente são aqueles que se encontram entre os 20% com maior faturamento.

Dessa forma, você conseguirá comparar o ticket médio da empresa em determinado período com o ticket médio de cada cliente, e descobrir aqueles que se encontram bem acima da média, para atendê-los de forma diferenciada.

Usando ainda do exemplo situacional anterior, vamos aos cálculos:

A fórmula usada para isso é a seguinte:

TMc = VT / C

TMc = 10.000 / 123

TMc = R$ 81,30

Esse resultado significa que cada cliente dessa empresa comprou – em média – no período analisado, um valor de R$ 81,30.

Como analisar o ticket médio?

Para analisar o ticket médio, você precisa levar em conta questões sazonais, pois isso pode impactar o resultado.

Além do mais, é evidente que certos produtos vendem mais durante uma certa época do ano, do que em outras, por exemplo. 

Vale lembrar que esse indicador pode variar também de acordo com o mercado em que a empresa está inserida.

Uma concessionária de veículos terá, geralmente, um ticket médio maior que um açougue, não é mesmo?

No entanto, isso não quer dizer que o açougue não dê lucro, ou, até mesmo, que não seja um negócio mais rentável que a concessionária, uma vez que os valores de seus produtos são muito diferentes.

Nestes casos, o que deve ser levado em consideração no momento de fazer as análises é o histórico de vendas da empresa, pois, aí sim, pode ser observado a real situação do ticket médio e o seu crescimento.

Outro ponto interessante é não fazer uma avaliação somente concentrada no ticket médio.

O ideal é manter um controle de visão geral:  acerca da lucratividade, da margem de contribuição, da rentabilidade e de outros indicadores.

Com qual frequência o ticket médio deve ser monitorado?

A frequência de monitoramento do ticket médio deve ser feita com base na avaliação da necessidade do seu negócio.

Em alguns mercados, por exemplo, você observará que esse cálculo é mais eficaz se for realizado semanalmente, outros de forma quinzenais, e por aí vai.

Como aumentar o ticket médio?

Para responder a essa pergunta, montamos uma lista com 3 dicas de boas práticas para que você observe e coloque em prática no seu negócio para conseguir aumentar ainda mais as suas vendas e, consequentemente, seu ticket médio. Confira!

Procure o público mais qualificado

O público qualificado são pessoas que realmente se aproximam de seu cliente ideal. E, é com base nesse tipo de público que você deve focar os seus esforços de marketing e vendas.

Uma boa prática nesse sentido é praticar o Inbound Marketing.

Dessa forma, inicia-se um relacionamento mais próximo entre a empresa e os clientes ideais, que acabam por confiar mais na marca e, naturalmente, tendem a comprar mais a cada novo pedido, aumentando, assim, o seu ticket médio.

Crie combos de produtos

Nada melhor do que oferecer combos promocionais de produtos, descontos descontos na compra de um determinado mix de itens para aumentar o ticket médio! 

Quando você cria grupos de produtos com um desconto interessante, o cliente se sente atraído e acaba aproveitando aquela oportunidade.

Com isso, o valor do carrinho de compras aumenta e a pessoa ainda passa a conhecer novos itens da marca.

Isso acontece mesmo quando o cliente não tinha o interesse inicial de realizar a compra de mais de um item, porém, ao visualizar o desconto, ele acaba associando aquilo a uma oportunidade e realiza a compra.

Analise a possibilidade de disponibilizar frete grátis

O frete grátis é um benefício que, sem dúvida, é um requisito que pesa na balança e atrai a atenção do público. 

Quando esse benefício está atrelado a um valor específico, tipo: “ Frete Grátis a partir de R$ 200, 00”. Em muitos casos, o cliente irá comprar mais só para obter essa vantagem do que ficar pagando pelo envio.

Dentro desse cenário, uma boa dica é que você conheça os valores cobrados para o transporte de produtos e procure negociar melhores condições, com os transportadores ou com os responsáveis pela entrega.

Conclusão

Neste post, você pôde ficar por dentro sobre como funciona o Ticket Médio e como ele pode impactar a sua empresa.

Se você gostou do nosso conteúdo, não deixe de conferir o nosso post sobre os riscos de se vender sem nota fiscal!

Rafael Versiani - Escritor, produtor de conteúdos, entusiasta da vida real e amante de ficção científica!
Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba conteúdos automágicos sobre o seu mercado por email.
Ilustração de personagem assinando newsletter

Receba conteúdos automágicos sobre o seu mercado por email em primeira mão!

Utilizamos nossa tecnologia para dar mais liberdade às empresas que querem crescer rapidamente focando no que fazem de melhor no mundo, enquanto cuidamos de suas notas fiscais.