7 dicas para aumentar suas vendas no Instagram

Criado em 2010 por Kevin Systrom e Mike Krieger, o Instagram se tornou uma rede social indispensável para marcas que desejam conquistar o público-alvo. Por ter um apelo visual (com foco em fotos e vídeos), a mídia desperta facilmente a atenção e a curiosidade dos usuários.

Atualmente, o Instagram conta com um bilhão de perfis ativos ao redor do mundo, e esse número só tende a crescer. Segundo o Hootsuite, o botão “Curtir” é clicado mais de quatro bilhões de vezes por dia e 80% dos usuários seguem ao menos uma conta comercial.

Logo, se o seu objetivo é vender pelo Instagram, confira a seguir sete estratégias para otimizar o seu perfil, atrair mais seguidores e aumentar o tráfego do seu negócio online!  

Planejamento de conteúdo

Já sabemos que imagens iluminadas e bem enquadradas junto de legendas complementares são a base de qualquer publicação. Contudo, há outros detalhes que podem fazer toda a diferença no engajamento (e que muitas vezes são esquecidos).

Acompanhe-os abaixo.

1. Use hashtags

Hashtags são palavras-chave precedidas pelo símbolo do jogo da velha (#). Inicialmente, eram utilizadas apenas no Twitter, mas, com o passar do tempo, foram se espalhando por todas as redes sociais, chegando inclusive no Instagram.

Elas servem como marcadores de conteúdo: ao clicarmos em uma hashtag, somos direcionados a uma lista de publicações que foram etiquetadas com a mesma tag. Assim, as marcas que utilizam-nas em seus perfis têm mais chances de serem encontradas pelos usuários.

Por exemplo: se o seu negócio é voltado para moda, as mais indicadas são #moda, #fashion, #estilo, #look e #lookdodia.

Entretanto, é importante ter cuidado com a quantidade para não gerar legendas (nem comentários) poluídos visualmente. O Instagram permite até 30 hashtags por publicação, porém, é recomendado de 5 a 6 (no máximo 10).

Ademais, use a barra de pesquisa da própria rede social e digite termos que gostaria de postar. Na sequência, serão sugeridas outras palavras-chave similares e relacionadas à sua busca.

2. Atente-se aos horários

De nada adianta ter conteúdos interessantes se os mesmos não são publicados nos momentos em que seus seguidores estão online. Ao longo dos últimos anos, muitas análises foram realizadas para definir os períodos em destaque, e uma das mais populares é a do Sprout Social.

De acordo com tal software, os melhores horários são quarta-feira às 15h, quinta-feira às 5h, 11h, 15h e 16h, e sexta-feira às 5h; e os piores dias são domingo e segunda-feira.

Todavia, nem tudo deve ser levado “a ferro e fogo”, pois há públicos-alvo com diferentes rotinas. Se o foco são adolescentes, por exemplo, os momentos mais indicados são os contraturnos escolares. Já se o objetivo é alcançar adultos entre 30 e 40 anos, os horários fora do expediente são os ideais.

Portanto, a principal dica é testar: acompanhe as publicações que possuem mais curtidas e comentários e quais períodos elas foram ao ar. Desta maneira, você poderá se concentrar naqueles que trazem maiores resultados para, assim, divulgar os seus produtos.  

Instagram Stories

Lançado em 2016, o recurso Stories chegou para revolucionar o Instagram. Diferentemente das publicações do feed, as fotos e os vídeos desaparecem após 24 horas - exceto quando são adicionados aos “Destaques”. Descubra, a seguir, como otimizar o uso desta ferramenta.

3. Faça bom uso da função “Destaques” 

“Destaques” ou “Highlights” é uma das mais recentes funcionalidades do Instagram Stories. Através dela, é possível fixar as histórias que desejar no seu perfil. Elas ficam disponíveis por tempo indeterminado e são excelentes meios para compartilhar conteúdos relacionados à marca.

Essas abas se localizam abaixo da biografia e são personalizáveis: você pode escolher os títulos e as capas. Se o seu e-commerce é voltado para cosméticos, por exemplo, que tal criar diferentes divisões com dicas de beleza, tutoriais rápidos de maquiagem e linhas de produtos?

Se você possui uma loja física também, vale elaborar um destaque para mostrar o dia a dia por lá, como fotos com clientes e novas coleções. Contudo, é importante ter em mente que os highlights devem ser utilizados para conteúdos mais perenes, ou seja, que não tenham “datas de validade”.

4. Utilize adesivos 

Além de ajudarem a entreter seus seguidores e convidá-los à ação, os adesivos de Perguntas, Emoji Slider e Enquete são ótimas ferramentas para captar feedbacks e insights para aprimorar o seu negócio e vender mais.

O de Perguntas, por exemplo, é ideal para questões mais abertas, como: “Conte-nos: quais conteúdos vocês desejam acompanhar por aqui?” ou “Qual produto vocês gostariam de encontrar no nosso e-commerce?”. A partir das respostas, será possível identificar em quais pontos investir.

Já o adesivo de Emoji Slider pode ser utilizado como um termômetro para entender o nível de animação dos seguidores em relação a um novo produto ou conteúdo publicado (fotos ou vídeos nos Stories).

E, enfim, o de Enquete é indicado para perguntas que possuam apenas dois retornos possíveis, como: sim ou não ou entre X e Y. Quando você estiver em dúvida sobre quais temáticas ou lançamentos se dedicar, vale a pena usar esse tipo de sticker.

Conta comercial

Se a sua marca já possui um perfil no Instagram, mas ainda não utiliza os benefícios para empresas, pois bem: já passou da hora de migrar para uma conta comercial! Esse modelo oferece ferramentas extras para potencializar as estratégias de marketing. Confira abaixo as principais.

5. Acompanhe o Instagram Insights

Das muitas vantagens que o Instagram comercial possibilita, destaca-se o Instagram Insights. Ele funciona como um Analytics, onde você poderá acompanhar as métricas mais relevantes do seu perfil para tomar decisões certeiras. Tal plataforma se divide em três grandes abas: Atividade, Conteúdo e Público.

Na primeira parte, você obterá informações sobre alcance, impressões e interações semanais - quantos usuários acessaram a sua conta, como te encontraram, quantas curtidas e comentários foram conquistados.

Já na aba de Conteúdo, você acompanhará dados sobre as suas publicações, Stories e campanhas. E na divisão de Público, detalhes sobre os seus seguidores, como idade média, principais localizações e horários com os maiores picos (que você poderá atrelar ao tópico 2 citado anteriormente).  

6. Aproveite as respostas rápidas

Sabemos bem que o atendimento ao cliente não mais se limita aos meios convencionais, como telefone e e-mail. As mídias sociais também se tornaram pontes de contato com o público-alvo - e no Instagram não seria diferente.

Contudo, muitas vezes o fluxo de DMs é alto e, para facilitar o retorno em um tempo consideravelmente bom, essa rede incorporou a ferramenta de respostas rápidas aos perfis comerciais. 

Esse recurso permite criar mensagens sobre temas recorrentes (como horários de funcionamento, endereço, dúvidas sobre entrega e frete) e salvá-las, o que agiliza o processo de suporte e, consequentemente, contribui para a produtividade da sua equipe.

Para elaborá-las, basta acessar Configurações > Respostas rápidas e clicar no símbolo “+”. No próximo passo, você poderá adicionar o texto e o atalho (termo que identificará determinada resposta nas janelas de conversa).

7. Invista no Instagram Shopping

O Instagram Shopping, que foi ao ar em 2018, fará milagres em relação às suas conversões. Trata-se de uma ferramenta com foco na tendência mobile first e que permite que os perfis empresariais adicionem etiquetas nas fotos do feed. Essas tags possuem o preço do produto e o link que redireciona o usuário ao checkout da loja.

Incrível, não? Agilidade é a palavra de ordem do recurso de compras. Vender com poucos cliques se tornou realidade nessa rede social.

Para ativar o Instagram Shopping, é necessário ter uma conta comercial e associá-la a um catálogo de produtos do Facebook (através do Gerenciador de Negócios). Para mais informações, siga o tutorial do próprio Instagram.

Por fim, vale lembrar a importância de aliar estratégias orgânicas a abordagens pagas, como impulsionamentos e anúncios no Instagram Ads. Associando essas duas frentes, o Instagram se tornará um dos seus principais canais de divulgação e vendas.

E se você já aplicou ao menos uma das dicas acima, não deixe de nos contar nos comentários!

Este post foi escrito por Raquel Lisboa, editora de conteúdo na Nuvem Shop.

About the Author

Conteúdo produzido por um dos parceiros da eNotas. Quer participar do nosso programa de parcerias? Então, envie a sua proposta para [email protected] :)

  • Flavia Siqueira disse:

    Adorei as dicas, me ajudou bastante com certeza vou aplicar na minha loja. Obrigada por compartilhar um conteúdo tão bom.

  • >