Canhoto Digital: o que é e como funciona

Atualizado há mais de 3 semanas

O papel é um item muito útil, mas também deixa, muitas vezes, um trabalho mais moroso e suscetível a erros.

Por isso, a tecnologia tem dado cabo na redução do uso do papel, principalmente com respeito a documentação. 

O canhoto digital é uma dessas formas e tem trazido muito mais segurança e reduzido a burocracia, principalmente, de empresas de transporte.

Sabe o que é esse canhoto, mas não sabia que tinha uma versão digital dele? Então fique atento no texto para descobrir mais a respeito!

O que é canhoto digital? 

Na verdade, esse é o “apelido” do Comprovante de Entrega Eletrônico. Ele tem como objetivo substituir o documento físico.

O canhoto da nota fiscal comprova que determinada mercadoria foi entregue, contendo a data e a assinatura do recebedor, preenchido no ato do recebimento, junto a própria Nota Fiscal ou ao Danfe.

Isso significa dizer que é mais um papel para uma empresa ter que armazenar em espaço físico. Além de ter todo o desafio que é portar esse documento, como a perda, modificações, etc.

E é mais um processo manual para ser realizado, o que pode ocasionar erros e onerar muito a operação do negócio. 

Por isso, o canhoto digital aparece como uma forma de melhoria nessa comprovação, realizando um preenchimento mais automatizado e facilitando o seu armazenamento. 

Como ele funciona?

Essa tecnologia é usada por empresas de transporte e logística como forma de comprovar que determinada entrega foi recebida. 

Por isso, o responsável pela entrega solicita as informações de quem recebe o material, a sua localização – geralmente usa-se a geolocalização. Quem recebe assina o canhoto e quem entrega tira uma foto, sem destacá-lo. A foto é enviada via Web Service para o Fisco. 

Como e quando usar?

Como você viu, o canhoto digital é usado para comprovar o recebimento – e sua entrega, claro – de determinada mercadoria.

Ao ter a foto da assinatura de quem recebeu o produto, quem entrega envia para o Fisco via Web Service e o canhoto digital fica disponível para o responsável no Portal da Nota Fiscal.

Para acessá-lo, basta ter a Chave de Acesso da NF-e, encontrada no DANFE da mercadoria.

O Danfe, como você deve saber, é um documento auxiliar da NF-e e deve estar sempre junto com a mercadoria transportada. 

O canhoto digital é uma praxe para empresas de logísticas e transporte, que se valem do documento em algumas situações:

  • Evento de comprovação de entrega de NF-e: os emissores de Nota Fiscal expedem o canhoto toda vez que a entrega de mercadoria for feita por frota própria.
  • Evento de comprovação de entrega para CT-e: o canhoto digital é usado quando a entrega é feita por empresa terceira. É difundido na Nota Fiscal e abrangido pelo documento gerado pela transportadora. 

Por que usar o canhoto digital e não o antigo?

Você viu que o canhoto é um papel que se destaca da nota fiscal e que comprova que a mercadoria chegou ao seu destino, certo?

Então deve imaginar que é mais um documento que deve ser armazenado e guardado por um tempo pelas empresas de transporte. 

Além de eliminar o processo manual de preenchimento, o canhoto digital também tem outros objetivos:

  • Padronizar o comprovante de entrega, já que esse documento podia variar de empresa para empresa;
  • Deixar o processo de transferência de valores mais transparente, ajudando também que processos administrativos, judiciais e financeiros sejam mais limpos;
  • Agilidade no acompanhamento da entrega de mercadoria, já que o preenchimento do canhoto e a sua disponibilidade ficam mais rápidos;
  • Redução de custos com armazenamento e com insumos;
  • Promover a interação entre empresa e cliente, aumentando a confiabilidade no processo de entrega. 

Você viu, então, que o canhoto digital é um documento eletrônico que torna ainda mais fácil o processo de recebimento de um produto. 

Algo parecido é feito hoje pelos Correios que, ao entregar determinado produto, pedem a assinatura de quem recebe, preenchem com data e hora, e tiram foto da mercadoria, disponibilizando para destinatário e remetente, o comprovante de entrega. 

E como você leu, o canhoto digital pode ser conferido com a chave de acesso no Portal de Nota Fiscal. Esse código está na DANFE, um documento que é um velho conhecido das empresas, mas muita gente não sabe para que ele serve.

Por isso, leia esse texto sobre a DANFE e descubra que não se trata apenas de mais um papel para você guardar.

Jornalista e apaixonada por produzir conteúdo nos mais diferentes formatos. Nas horas vagas, é fotógrafa, viajante e mãe de suculentas.

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Utilizamos nossa tecnologia para dar mais liberdade às empresas que querem crescer rapidamente focando no que fazem de melhor no mundo, enquanto cuidamos de suas notas fiscais.