Terceirização de TI: como aplicar essa estratégia mantendo qualidade

Atualizado há mais de 1 semana

Quando uma empresa está começando ou precisa ter um serviço interno bem diferente de seu core business, contratar outra organização será uma boa opção. E na Tecnologia da Informação isso é muito comum. É a terceirização de TI. 

Isso é comum sobretudo quando uma empresa não possui quase nada de entrega em tecnologias.

Daí, é importante ter uma empresa especializada para prestar esse serviço.

Mas será que a terceirização de TI é mesmo vantajosa? Não seria melhor contratar uma equipe própria e investir em capacitação?

Tenha respostas neste texto!

O que é terceirização de TI?

Basicamente: é quando uma empresa externa presta um serviço interno para um negócio. Nesse caso, as funções seriam exercidas no setor de tecnologia da informação.

Portanto, ao contrário de ter um setor próprio para isso, a empresa contrata outra para fazer essas funções.

A terceirização de TI pode também ser chamada de outsourcing de TI. Mas há uma diferença conceitual aí.

No outsourcing, há um nível de especialização muito maior, entregando ferramentas, capacitações e serviços muito mais completos. Na terceirização de TI há entregas previstas no contrato.

Suporte, gerenciamento de sistemas, atendimento remoto, por exemplo, são alguns exemplos de serviços de terceirização de TI.

4 motivos para investir nessa estratégia

Aquelas perguntas de ainda há pouco, se vale a pena contratar outra empresa ao invés de investir em um setor e na capacitação de funcionários serão respondidas agora.

E é basicamente: depende.

O que variará nessa resposta é exatamente o tipo de produto ou serviço que você entrega. Se a sua empresa não desenvolve produtos tecnológicos, então a terceirização de TI será, sim, vantajosa.

Veja por quê.

Reduz custo

Ao formar uma equipe especializada em TI, é preciso pensar em todo o processo de construção desse time: recrutamento e seleção, infraestrutura, atualizações de software, treinamento…

Tudo isso pode ser muito caro para uma empresa que não é de tecnologia, por exemplo, que poderia investir tempo e dinheiro no que é mais estratégico para o seu produto.

Otimiza tempo

As empresas terceirizadas possuem foco estratégico no serviço oferecido. Portanto, quando há um problema, por exemplo, eles são solucionados muito mais rápido.

Claro que isso não ocorre só com problemas, mas com o processo envolvido como um todo. 

No caso da terceirização de TI, as operações de tecnologia serão feitas por uma equipe preparada e empenhada naquilo, sem comprometer as estratégias da empresa contratante. 

Foco estratégico

Para uma empresa que não tem um foco em tecnologia nas suas entregas, pode ser um investimento inócuo em um setor de TI, já que o negócio poderia direcionar esses recursos ao que vende.

Por isso, os investimentos com a terceirização de TI é melhor direcionada e faz com que a contratante foque em seu core business de maneira mais estratégica.

Padroniza processo

A terceirização de TI permite que tudo o que envolve tecnologia seja realizado por uma empresa de fora que, além de prestar o serviço, ainda reporta tudo por relatórios.

Esses documentos são gerados, normalmente, por softwares automatizados, o que dá um ganho de padronização tanto à contratada quanto à contratante.

4 dicas de como encontrar parceiros para terceirização de TI

Para saber tudo o que envolve a terceirização de TI, cabe passar por algumas dicas para encontrar e contratar o parceiro ideal.

Portanto, confira algumas!

Tenha um escopo

Esse é um passo inicial em toda contratação. E não seria diferente em uma terceirização de TI. Nesse caso, é fundamental dar todas as informações de sua empresa, claro, aquelas necessárias para a prestação de serviço.

Além de detalhar todo o trabalho, atente-se em definir cronograma, com os prazos esperados para cada projeto e até mesmo da duração do serviço.

A partir daqui, é possível entender se um terceiro pode entregar o que a sua empresa espera.

Avalie a experiência

Obviamente, aspectos técnicos são fundamentais para avaliar um possível parceiro. Aqui, é necessário também avaliar se a empresa terceira possui experiência de mercado.

Avalie o portfólio de clientes que ela possui, aquelas que ela já atendeu, quais foram as entregas.

Encontrar depoimentos de outros lugares que já contrataram a empresa será necessário também.

Confira questões de segurança

Outra questão fundamental é saber se a empresa está mesmo preocupada com questões de segurança.

Com o crescimento cada vez mais vertiginoso do compartilhamento de dados online, e as justas medidas da LGPD, a empresa contratada deve fornecer tecnologia segura, tanto na questão virtual quanto física, quando convir.

Avalie o preço, mas em último lugar

O orçamento pesa, é claro. Mas não dá para colocar o preço do serviço como prioridade quando se contrata algo em tecnologia. Porque o barato pode não significar qualidade.

Na hora de avaliar preço, todos os outros fatores da contratação devem pesar em sintonia. Obviamente não é para pagar muito no que entrega pouco. O custo-benefício é sempre a prioridade maior quando o assunto é orçamento.

É claro que a terceirização de TI tem muito a acrescentar a sua empresa, que poderá focar naquilo que entrega a seus clientes e ter produtos mais aprimorados.

Quando o assunto é automação, como o que a terceirização de TI dá a sua empresa, é preciso pensar em processos seguros, ágeis e que farão sua empresa desburocratizar operações importantes.

A gestão de notas fiscais, por exemplo. Você pode fazer de maneira muito mais prática com o Gateway eNotas. Conheça essa solução e escale a sua empresa!

Jornalista e apaixonada por produzir conteúdo nos mais diferentes formatos. Nas horas vagas, é fotógrafa, viajante e mãe de suculentas.

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Utilizamos nossa tecnologia para dar mais liberdade às empresas que querem crescer rapidamente focando no que fazem de melhor no mundo, enquanto cuidamos de suas notas fiscais.