Consultoria contábil: o que é e como contratar a melhor para o negócio

Ter domínio de ponta a ponta de sua é empresa é fundamental, mas nem sempre é possível ter expertise em todas as áreas. 

As obrigações de um gestor já são tantas que muitos deixam os assuntos fiscais de lado. Alguns, infelizmente, não têm consciência das ações legais de nosso país e acabam apelando para a criminalidade, como a sonegação fiscal.

Para garantir a lisura nesse assunto, muitas marcas já possuem uma assessoria contábil. E ela, certamente, é uma das melhores opções para empresas que ainda não conseguem ter uma gestão fiscal forte em seu corpo.

Por isso, neste post, você entenderá melhor sobre o assunto e sua importância. Ainda, ler algumas dicas preciosas para evitar erros de contabilidade

O que é a assessoria contábil?

Uma empresa de consultoria contábil tem em seu corpo profissional pessoas capazes de interpretar todas as rotinas fiscais da organização contratante.

Ela analisa contas, considerando, também, a legislação trabalhista e a previdenciária. Por isso, ela faz todo um planejamento trabalhista, controle de gestão financeira e orientações empresariais em geral.

Esse serviço, portanto, facilita tomadas de decisões que o gestor deve realizar.

Contratar uma assessoria contábil é tendência no mercado de negócios e não é à toa, graças a orientações cada vez mais assertivas que esse tipo de serviço disponibiliza.

Quando contratar uma?

A maior dificuldade, talvez, seja saber quando se precisa de uma consultoria contábil. Por isso, veja alguns sinais que são verdadeiros alertas para se contratar uma.

Ter um gestor controlador

É claro que quem tem uma empresa sob sua responsabilidade quer saber de todos os seus processos e a quantas andam suas atividades.

Mas querer fazer de tudo pode atrapalhar bastante o crescimento do negócio, caracterizando o microgerenciamento.Por isso, se esse for o caso, é um sinal claro que uma assessoria contábil será bem-vinda a sua empresa.

Porque, além de deixar o gestor menos sobrecarregado, um corpo de profissionais a serviço de gerir a vida contábil do empreendimento deixará que o andamento dos negócios seja mais tranquilo.

Não ter especialistas

Deixar a parte contábil de lado ou mesmo não ter pessoas preparadas para gerir as finanças, são erros primordiais. Se a sua empresa não tem pessoas que estudaram contabilidade ou um conselho fiscal forte, analise seriamente a possibilidade de contratar uma consultoria contábil.

Além disso, é preciso ter um especialista em legislação. Ainda mais se falando de um país em que cada vez mais está de olho em crimes, como caixa 2 ou sonegação fiscal. Por isso, se não tiver essa pessoa em sua empresa, é mais um sinal para se ter uma assessoria fiscal.

A empresa não sabe se investe ou corta gastos  

Quando essa dúvida surge em um empreendimento é porque não se possui dados fortes e qualificado para se tomar decisões. Uma boa consultoria dará as direções certas para que um investimento seja feito ou seja realizado um corte. Tudo isso graças a uma análise minuciosa da situação financeira da empresa.

Falta de conceitos

Alguns termos contábeis são imprescindíveis para se tomar decisões importantes. Quando o responsável pela vida financeira da empresa não sabe diferenciar certas coisas, como evasão ou elisão, apenas um glossário contábil não vai ajudar.

Falta de planejamento

Uma boa gestão de empresas sabe quais são os planos futuros e como se organizar para chegar lá.

Porém, se as contas não são bem geridas, dificilmente é possível planejar o futuro ou saber até onde a empresa pode crescer. Quando isso acontece, só mesmo especialistas fiscais, capazes de realizar auditoria contábil conseguem por ordem em casa

Quais são os principais perigos de uma má contabilidade?

Ter uma contabilidade má gerida é um perigo sério. Algumas consequências podem ser graves, chegando a acabar com o sonho de um empreendimento de se consolidar no mercado.

Algumas práticas podem levar tudo a perder. Veja as principais.

Sonegação de impostos

Ter no Brasil uma das legislações mais complexas do mundo não é desculpa para se sonegar impostos. Sonegação de impostos é quando um contribuinte (pessoa física ou jurídica) omite valores no imposto de renda. Quando um corpo fiscal da empresa não é preparada, uma das atitudes mais praticadas é justamente essa.

Muitas vezes é por mero desconhecimento das leis, mas outras é de má fé. Uma assessoria contábil evita que essa prática seja realizada.

Não emitir notas

Outro exemplo de prática realizada quando não se leva à sério as questões contábeis de um empreendimento.

Não emitir nota fiscal pode ser caracterizado por um dos crimes mais conhecidos da população brasileira: o caixa 2.

O documento é a garantia de que a empresa paga todos os seus impostos, e é uma arma ótima para comprovar uma boa gestão e de respeito no mercado. Pode parecer básico para você que cumpre suas obrigações com a empresa, mas um corpo contábil deficiente pode deixar de lado esse elemento fundamental para a legalidade dos negócios.

Como contratar uma empresa especializada?

No mercado, é preciso estar atento às melhores opções e quais são as especialidades de uma empresa que possa te atender. Algumas dicas são valiosas na hora de contratar uma assessoria contábil. Por isso, anote as melhores para que você não tenha dificuldades.

Saiba qual é a situação da sua empresa

Não contrate por contratar. É preciso entender o que sua empresa está precisando, qual é a situação financeira e qual seria o projeto ideal para se ter.

Por isso, faça um escopo e trace um objetivo que você almeje para o seu empreendimento. A escolha da assessoria passará por todo um plano em que será analisado a situação contábil e o conhecimento de legislação que sua empresa possuir.

Orce!

Mais uma vez: contratar por contratar não pode ser uma opção na hora de ir para o mercado.

Analise quais são as empresas de ponta no mercado, o que elas oferecem, o diferencial de cada uma e, sobretudo, negocie de acordo com a sua necessidade. Ao fechar o acordo, esteja atento ao contrato, às suas condições e quais são os objetivos oferecidos, prazos e formas para se pagar o serviço.

Esteja com a cabeça aberta

Uma consultoria, seja do que for, existe para indicar as melhores tomadas de decisões. Ela deve avaliar sua situação e indicar quais as mudanças que sua empresa deve passar.

Por isso, esteja disposto a ouvir e tomar ações que possam não ser aquelas que gostaria. Mas, uma assessoria contábil séria deve indicar sempre as melhores soluções. Por isso, confiança!

Seja transparente

Para se contatar um bom serviço de consultoria, é preciso fornecer todas as informações necessárias que ela possa precisar. Fluxo de caixa, estoque, custos, operações bancárias... tudo isso são primordiais para um bom serviço tributários. Portanto, não omita nada!

Esteja disposto a pagar impostos

Não adianta: fugir deles é impossível. Sua empresa pode, claro, ter mais facilidades e diminuir algumas taxas.  Mas não pagar imposto é crime e fugir da legalidade é fatal no mercado.

Uma assessoria contábil te dará todas as opções de se reduzir esses impostos – legalmente – e, claro, te mostrará aquelas que devem ser pagas. Mas você sabe quais são aquelas pagas por empresas caracterizadas pelo Simples Nacional?

Então, continue com a gente e entenda mais sobre o Simples Nacional e descubra como deixar as contas em dia e, em alguns casos, pagar menos impostos!

About the Author

Gabriel Nascimento - Analista de marketing apaixonado pela produção de conteúdo, engenheiro civil por formação e eterno aprendiz de novos idiomas!

>

Pare de perder tempo com tarefas manuais... Comece a emitir Notas Fiscais AUTOMÁGICAMENTE