Trabalho home office: 10 dicas simples para ser mais produtivo em casa

O trabalho home office não é mais uma tendência do futuro, ele já é realidade para muitas pessoas no mercado brasileiro.

Segundo uma  pesquisa encomendada pela Microsoft ao IBOPE, as oportunidades de trabalhar remotamente e ter maior flexibilidade de horário foram aspectos mencionados por 68% e 62% dos entrevistados, respectivamente, na hora de encontrar um emprego.

Isso mostra como o trabalho home office é decisivo no momento de escolha de um cargo.

E não para por aí. Empreendedores digitais conseguem produzir conteúdos épicos trabalhando de qualquer lugar também.

Contudo, o trabalhar de casa exige muita dedicação, concentração e planejamento. Se você não tiver foco, certamente será atraído pela sua cama ou pela sua televisão.

Portanto, este post mostra as principais dicas para ser mais produtivo no trabalho home office.

1. Saiba se planejar

O primeiro passo para ter sucesso no trabalho home office é se planejar. De nada adianta acordar tarde ou atuar sem seriedade e esperar que os bons resultados aconteçam sozinho.

Você deve definir uma rotina e segui-la fielmente todos os dias. Estabeleça todas as atividades a realizar, como:

  • ligações telefônicas;
  • envio de emails;
  • reuniões;
  • produção de conteúdos em texto, vídeo e áudio;
  • e muito mais. 

Essa dica também se aplica em casos de empresas que desejam ter melhores resultados com funcionários remotos. Planeje tudo o que precisa ser feito e sempre mantenha um canal de comunicação direto com a sua equipe, onde quer que os seus membros estejam. 

2. Tenha um local de trabalho home office adequado

As ferramentas utilizadas por um empreendedor devem ser adequadas às atividades que ele exerce. Na maioria dos casos, o trabalho home office demanda os seguintes equipamentos:

  • notebook;
  • tablet;
  • internet;
  • papel e caneta;
  • impressora;
  • telefone;
  • caixas organizadoras;
  • livros;
  • câmera para filmagem;

Se formos listar tudo o que pode ser utilizado no home office, levaríamos um dia inteiro. Por isso, escreva em um pedaço de papel ou em uma planilha do excel todas as ferramentas que você utilizará.

Caso você esteja sem ideias, busque inspirações na internet e em blogs especializados em home office.

Ah e não se esqueça dos softwares de computadores que serão utilizados também. Ninguém quer, por exemplo, passar apertos na hora de editar um podcast no dia de sua publicação, certo?

3. Arrume a sua cama e tome banho

É isso mesmo que você leu. Se você acha que trabalhar de home office significa ficar em frente ao computador de pijama, é melhor mudar de ideia logo.

Tomar um banho, arrumar a cama e vestir uma roupa confortável são atitudes essenciais para iniciar o dia bem.

4. Estabeleça um horário fixo

A autonomia do trabalho home office é surpreendente, já que é possível fazer as suas tarefas em qualquer horário, mas poucas pessoas percebem o perigo que aí existe.

Quem não tem um horário fixo acaba procrastinando em alguns momentos e perdendo a noção do tempo em outras situações. Com isso, algumas pessoas trabalham mais do que devem de madrugada e passam vários dias comendo e dormindo mal.

Lembre-se de sempre de ter foco em suas obrigações, mas nunca se esqueça de sua saúde e bem-estar.

Programe pausas e momentos de descanso. Levantar-se e respirar ar fresco pode te ajudar a encontrar a inspiração necessária para acabar com um grande problema.

Existem aplicativos para criar hábitos também. Cada um deles tem características diferentes, como fazer anotações ou ter uma agenda completa em seu bolso, que vão melhorar a sua performance.

Em resumo, não seja um workaholic!

5. Fuja das interferências

A internet é uma das principais ferramentas do crescimento de um empreendimento — e não poderia ser diferente com o home office.

A web permite que você:

  • faça reuniões pelo Google Meet ou Skype;
  • envie emails;
  • acompanhe as notícias do mundo tecnológico em mundo real.

Porém, existem várias distrações. Uma simples olhada em um vídeo de comédia do YouTube ou em suas redes sociais tira a sua concentração. O celular e a televisão, nessas horas, são outros grandes vilões também.

Dessa forma, você deve ficar longe de tudo que tira a sua atenção. É possível:

  • colocar o celular no silencioso;
  • criar horários de acessos às redes sociais;
  • não ter televisão ou rádio no escritório.

Ps: sempre mantenha a porta fechada também, principalmente, se familiares estão em casa em seu horário de trabalho. Além de reduzir ruídos, isso impede que alguém o interrompa em um webinário ou uma reunião de negócios.

6. Lembre-se da iluminação

Um ambiente mal iluminado prejudica a performance do trabalhador, atrapalhando a sua saúde física ou psicológica.

Fábricas, indústrias e grandes empresas já tomam cuidado em iluminar o ambiente de trabalho, e o seu home office deve fazer o mesmo.

É válido colocar luminárias em sua escrivaninha ou mesa. Além de deixar o ambiente mais bonito, isso melhora a distribuição brilho da lâmpada.

Tenha em mente que a iluminação natural ajuda a reduzir a conta de energia elétrica. A arquitetura moderna aposta cada vez mais nessa solução, a fim de criar ambientes ecologicamente corretos e que atendem às necessidades de seus usuários.

Então combine as lâmpadas e a luz solar em seu home office quanto antes.

7. Seja um profissional regularizado

Trabalhar de casa exige as mesmas responsabilidades de uma empresa convencional. Quem tenta fugir das legislações ou sonegar impostos, por exemplo, está fadado ao fracasso.

Dessa forma, é muito importante que você regularize a sua prestação de serviço. Antes de tomar qualquer atitude, busque a ajuda de um contador. Esse é o profissional que tem o conhecimento necessário para aconselhá-lo a escolher o regime tributário correto, por exemplo.

Muitos empreendedores em início de carreira não sabem se estão enquadrados como MEI (Microempreendedor individual) ou Simples Nacional. Nessas horas, sempre converse com um contabilista e evite problemas. 

Outra questão muito importante está relacionada à emissão de notas fiscais. Como existem vários tipos de documentos fiscais, você pode ficar com dúvidas ao emiti-los.

Geralmente, os empreendedores digitais que trabalham remotamente precisam emitir a Nota Fiscal de Serviço Eletrônica (NFS-e). Esse é um documento municipal, ou seja, cada prefeitura tem regras diferentes.

Algumas cidades, por exemplo, exigem certificado digital. Outras permitem o cancelamento de NFS-e. Fique muito atento, pois esse assunto é essencial para a legalidade do seu negócio.

Mais uma vez: sempre consulte um contador e tenha mais tempo para focar no crescimento do seu negócio e garanta maior qualidade de vida também.

Ps: saiba que é possível utilizar um emissor automático de nota fiscal para ter mais tranquilidade e fugir da burocracia em sua rotina. Ao utilizar uma solução focada em gestões de alto impacto, você usa os principais meios de pagamento do mercado e emite as notas fiscais automaticamente. 

8. Estabeleça metas

Não importa o que você faz no trabalho home office, é imprescindível determinar objetivos a curto, médio e longo prazo.

Veja o seguinte exemplo:

Um empreendedor tem um curso online de culinária. Em todas as semanas, é necessário lançar novos conteúdos no blog, no canal do YouTube e no Instagram. Visando a melhor organização do trabalho, ele define as seguintes metas:

  • produção e publicação de 1 receita a cada dois dias no blog;
  • filmagem, edição, e envio de 1 vídeo a cada 3 dias no YouTube e no Instagram;
  • análise das métricas de desempenho desses conteúdos a cada semana;
  • acompanhamento diário dos comentários enviados por seguidores;
  • planejamento dos próximos conteúdos que devem ser produzidos a cada 15 dias.

Apesar de ser uma situação fictícia, percebe-se que a definição de objetivos é algo fundamental para organizar a sua rotina, permitindo que você analise a sua performance por meio de dados estatísticos.

Com isso, você consegue encontrar pontos que devem ser melhorados e quais questões mostram bom desempenho.

Lembre-se de propor mudanças em seus objetivos caso algo de errado aconteça. No início de uma jornada empreendedora, é comum ter dúvidas e cometer erros. Mas não se preocupe: o importante é admitir falhas e sempre estar preparado para aprender e melhorar.

9. Abasteça a geladeira

Por mais que pareça simples, a alimentação é um fator importante para quem deseja empreender no mercado. Não importa qual é a sua área de atuação: é necessário ter sempre por perto alimentos saudáveis.

Não é porque você trabalha em casa que está liberado o consumo de fast-food e outras comidas industrializadas indiscriminadamente. E evitar esse problema é mais fácil do que muitos imaginam.

Como você já planejou o seu horário de trabalho e os momentos de pausa, basta deixar os ingredientes preparados para cada refeição. Caso você não saiba cozinhar, não se preocupe: existem serviços de entrega de marmitas em todas as cidades do Brasil.

Lanches saudáveis, como frutas, iogurtes e barras de cereal, são ótimas opções para matar a fome também.

Ao se preparar adequadamente no trabalho home office, você consegue reduzir despesas, não come besteira na rua e tem um estilo de vida mais saudável.

10. Visite coworkings

Os coworkings são locais de trabalho compartilhado que não param de crescer.

O Censo Coworking Brasil de 2017 indica que existem 810 espaços em nosso país. Em 2016, eram apenas 378. Ou seja, em apenas um ano, houve um aumento de 114% no mercado coworking nacional.

Mas qual é o porquê disso?

Como você viu neste conteúdo, trabalhar remotamente proporciona liberdade e flexibilidade na rotina de um empreendedor. Porém, com o passar do tempo, você pode sentir falta da convivência dos colegas de empresa e do bate-papo no elevador com funcionários de outra empresa.

E acredite: isso acontece com todo mundo que trabalha em casa.

Nessas horas, os coworkings surgem são ótimas opções para quem deseja fugir da solidão e trabalhar em um ambiente diferente. Além do mais, é possível conhecer pessoas novas e até mesmo encontrar parceiros para o seu negócio.

Portanto, procure o coworking mais próximo de sua residência e visite-o quanto antes.

Saiba que o BeerOrCoffee é um site que reúne os melhores coworkings do Brasil. Com uma simples pesquisa, você encontra locais de trabalho remoto em várias cidades do nosso país.

Encontre o coworking que tem as melhores características, como:

  • internet de alta velocidade;
  • bicicletário;
  • cozinha compartilhada;
  • salas de reunião;
  • pet friendly.

E então, o que você achou deste post? Quais dessas dicas você já coloca em prática? Qual conselho você dá para ser mais produtivo no trabalho home office? Deixe um comentário no espaço abaixo!

About the Author

Analista de marketing apaixonado pela produção de conteúdo, engenheiro civil por formação e eterno aprendiz de novos idiomas!

>