Webinário perpétuo: o que é como criar um

Atualmente, as formas de adquirir conhecimento são muitas e das mais diferentes maneiras. 

O vídeo é a mídia favorita para quem gosta de aprender ou consumir qualquer tipo de conteúdo. 

Produtores digitais estão se preocupando, cada vez mais, em oferecer material em vídeo não apenas rico, mas de longa duração, no sentido de não se desatualizar ou ficar datado, haja vista as mudanças que a internet gera.

Neste contexto surge o webinar perpétuo. E para saber tudo sobre esse assunto, fique por aqui!

Webinar perpétuo? Como assim?

Para falar do perpétuo, é preciso, antes, entender o que é webinar, ainda que seja um termo cada vez mais frequente e popular.

Esse conteúdo nada mais é que um seminário, em vídeo, que pode ser gravado ao vivo ou não. Ele atinge grande audiência e aproxima marcas de seu público ideal. Uma videoconferência, de fato. 

Por sua popularidade e alto poder de atração de leads, o webinário tem feito parte de maneira sempre recorrente de estratégias de marketing digital das empresas. 

O formato é bem-querido por pessoas do meio por ser barato, por poder ter o seu conteúdo adaptado em ebooks e engajar muitas pessoas ao mesmo tempo — o que pode aproximar diretores de funcionários e marcas de consumidores. 

Sem falar, claro, da autoridade que o seu empreendimento ganha realizando uma conferência sobre determinado assunto. Afinal, tem que ter muita propriedade para fazer uma palestra para tanta gente sobre algo, né?

Dentro dessa possibilidade, o webinar perpétuo é aquele que consegue ter conteúdos de relevância ao longo do tempo. Logo, consegue converter mais leads. 

O formato ainda permite que você realize webinar automatizado, o que significa poder gravar um conteúdo com antecedência e disponibilizá-lo depois. E reaproveitá-lo no futuro, mais uma vez. 

O webinário perpétuo permite que você transmita a mesma apresentação para diferentes pessoas em várias situações. Desse modo, você alcança um público maior e melhores resultados, como downloads de materiais ou número de vendas. 

Para isso, ele deve ter uma série de cuidados para não se tornar datado demais e ter uma alta qualidade para não perder relevância – seja pela passagem de tempo, seja pela quantidade de vezes que uma pessoa possa assisti-lo. 

Como fazer um webinário perpétuo?

Os webinários são, geralmente, gravados ao vivo em formato de videoconferência. O perpétuo pode perfeitamente ser realizado da mesma maneira.

Para ser um conteúdo evergreen – ou que se mantém relevante por muito tempo — é preciso se pensar em materiais com mais explicações, como tutoriais. Agora que você já entende como o webinar funciona, deve estar se perguntando como torná-lo perpétuo, certo? Você terá dicas sobre isso agora!

Data e hora

A primeira atenção que um webinário perpétuo deve ter é com relação às datas e horas. Geralmente, um espectador desse tipo de conteúdo perde o interesse ao perceber que o material pode ser antigo.

Por isso, evite citá-los. Caso seja necessário para uma explicação, faça em tom ilustrativo, como se fosse uma suposição. 

Outro ponto importante: jamais use em títulos, a não ser que a intenção seja usar o webinar perpétuo em determinado período. Como “As melhores formas de se emitir nota fiscal eletrônica em 2018”.  

É claro que um material desse servirá apenas no ano em questão, mas alguns usuários podem achar já desatualizado no meio do ano. Por isso, cuidado. 

Gatilhos

Gatilhos de conversão são verdadeiras máquinas naquilo que se propõe: converter! 

Quando se fala de gatilhos, está se dizendo de ferramentas que contribuem para o objetivo de determinado conteúdo que é a conversão em si, seja ela captação de email, cliques em site ou vendas. 

E, para um webinar automatizado ter poder por muito tempo, é preciso se pensar nesses recursos. Os gatilhos que melhor funcionam para um webinar perpétuo são:

CTA

O Call to action é primordial, seja em texto ou vídeo. Ele funciona bem em webinário se estiver perfeitamente sincronizado com o que se fala. Fazer em outro momento pode não ter o mesmo efeito. 

Em muitos casos, você deve utilizá-lo ao final da apresentação, pois, nesse momento, os espectadores entenderam o que foi dito e estão preparados para a oferta. 

Escassez

Mostrar que uma promoção está próxima de terminar ou que um produto para se fazer download está terminando podem ser maneiras bem eficientes de converter. Eles podem funcionar, mesmo em um perpétuo, desde que não seja nada forçado, ainda mais se você transparecer que seu vídeo é gravado. 

Formulário de email

Disponibilizar um formulário para o usuário preencher com o email, antes de ter acesso ao webinário perpétuo, é outro recurso muito usado para que esse conteúdo tenha eficiência em conversão por muito tempo. Você consegue criar um mailing de qualidade, com um grande poder de conversão. 

Utilize boas plataformas

O seu webinário precisa ser realizado em plataformas que sejam atraentes e que tenham bom fluxo de usuários.

É claro que, quando falamos de vídeos, o Youtube é sempre o mais recomendado. Além de ser acessível a vários ambientes da web, ele pode ficar disponibilizado por tempo indeterminado na maior e melhor rede para esse formato.

Mas ele não é o único. Você pode pensar ainda me redes sociais como Facebook e Instagram – que graças ao IGTV, é possível realizar vídeos mais longos e com o mesmo destaque do Stories

Quando se trata de um webinário perpétuo o Everwebinar é uma das principais ferramentas do mercado. A LeadLovers também é outra opção para quem deseja automatizar as suas apresentações. 

Tenha um bom título

Todas essas dicas que leu até agora valem bem pouco se você não elaborar um título poderoso ao seu webinário perpétuo. 

O título é a primeira impressão do usuário. Além disso, é uma técnica SEO muito valorizada pelos algoritmos do Google para ganhar relevância em seus resultados de pesquisa. 

Por isso, não o ignore! Resuma bem o que seu conteúdo oferece, sem perder mão da criatividade.

Pense em formatos sem prazo de validade!

Falar em “prazo de validade” na internet é reconhecer que determinado produto pode ficar fora de moda em pouco tempo. 

Graças à agilidade que a web proporciona não apenas na comunicação, mas também no modus operandi de muita coisa, é preciso sempre se atualizar e estar atento para não oferecer um material que não corresponda a essas inovações.

E, como você já percebeu lendo este post, o webinário perpétuo tem essa função de oferecer algo que possa ser de duração longa, mesmo com tanta novidade surgindo por aí. 

Alguns formatos de webinário automatizado são mais eficazes. São eles: 

Tutorial

Sabe quais são os termos mais procurados no Google?

Dentre as categorias dos mais pesquisados há um chamado “Como fazer” no Google Trends. Isso significa que muita gente tem procurado aprender coisas pela internet. E é aí que entram os tutoriais. 

webinário-perpétuo-como-fazer

Além de ser muito usado na internet, o tutorial é um formato que permite construir conteúdos evergreen. Porque ensinar a montar um produto ou como usar determinado serviço que sua empresa oferece não muda assim tão fácil. 

Entrevistas

Se você tem fácil acesso a uma pessoa especializada na área em que sua empresa atua, pense em realizar uma espécie de talkshow.

É possível, com isso, realizar um bom engajamento prévio em sua rede social ou blog, pedindo que seu público envie perguntas ao convidado. 

Entrevistando uma autoridade ou um influenciador digital no assunto, quem ganha relevância — por muito tempo — é você!

Videoaula 

Segue a linha dos tutorias, mas aqui, é mais focado em um conteúdo educacional, que pode ser bem explorado por quem oferece cursos online. As aulas do que quer que seja não envelhecem fácil, ainda mais se forem com uma didática fácil e encantadora. 

Essas aulas podem ser instruções ou introdução sobre determinada matéria.

Agora que conheceu bem sobre o webinar perpétuo, deve estar pensando que vale muito a pena investir nesse formato, sobretudo pelo seu alto poder de conversão e a possibilidade de automatizá-lo sempre que possível.

E que tal pensar em automatização em outras plataformas, como as redes sociais? Já é possível fazer isso! Então, confira as melhores ferramentas de automação do Instagram!

About the Author

Gabriel Nascimento - Analista de marketing apaixonado pela produção de conteúdo, engenheiro civil por formação e eterno aprendiz de novos idiomas!

>
Gabs

Como conseguir 200 mil visitas mensais no seu site sem gastar com anúncios