GitHub
TECH

GitHub: o que é e qual sua importância?

Atualizado há mais de 1 semana

Acompanhe o nosso post e descubra o que é o GitHub e qual a importância desse sistema para o desenvolvimento de projetos.

O trabalho remoto em equipe é cada vez mais aplicado nas empresas — uma tendência que cresce, mas que não é novidade.

Desenvolvedores de softwares já possuem essa rotina quando o assunto é gerenciar projetos de código aberto. Dentro desse contexto está o GitHub. 

Quem é da área, sabe o risco de se perder dados —por inúmeros motivos — e do desafio em trabalhar em um projeto em que várias pessoas podem contribuir de qualquer parte do mundo. 

Algo que o Git já tem contribuído para melhorar há alguns anos e, agora, o GitHub assume uma importância que você conhecerá mais a partir de agora. 

Insert Content Template or Symbol

Acompanhe!

O que é Github?

github

O GitHub é uma plataforma de hospedagem de código-fonte. Com ele, é possível desenvolver projetos de maneira colaborativa, num ambiente que muito lembra uma rede social. 

Nele, os desenvolvedores e programadores compartilham projetos para que o código seja desenvolvido por pessoas de toda a parte do mundo. 

Ele nasceu a partir de dois conceitos: do Git e do Hub.

O Git é um sistema que gera projetos que podem ser trabalhados ao mesmo tempo por várias pessoas.

Ele foi criado em 2005 por Linus Torvalds, o pai do Linux, e é popular no universo de desenvolvimento graças ao seu sistema de controle. 

Por ele, é possível, toda vez em que um código é gerado, criar uma nova versão do projeto, impossibilitando a perda de dados, já que é salvo no diretório. 

Esse diretório pode ser salvo em qualquer computador ou no GitHub. 

O Hub, por sua vez, é um aparelho, conhecido como concentrador que conecta computadores em rede para que possam compartilhar dados. 

Por isso, ficou mais fácil entender a lógica do GitHub a partir do conceito e funcionamento de cada um desses termos que o compõem. 

Qual a importância do GitHub?

Como você pôde perceber, esse sistema facilita a integração de uma equipe que trabalha em um mesmo projeto.

O desenvolvimento de um site, por exemplo, será facilitado se todos os desenvolvedores puderem se relacionar e fazer suas atividades em um ambiente que dá segurança no armazenamento dos dados. 

O GitHub também ajuda a melhorar o gerenciamento do projeto, acompanhar o seu desenvolvimento e entender as atividades de cada pessoa envolvida. 

Outra funcionalidade que ajuda a aumentar a importância do sistema é a sua automatização no fluxo de trabalho. 

Tudo isso ajuda o desenvolvimento do projeto e pode ser um diferencial no mercado, já que ele está cada vez maior e com maior concorrência, com novas possibilidades tecnológicas.   

Para que serve o Github?

Na prática, o GitHub tem algumas funcionalidades que, aliás, o diferenciam muito do Git. 

Essa diferença está, principalmente, no armazenamento, ou seja, no repositório. 

Enquanto o Git você tem controle apenas pelo seu HD, o GitHub permite fazer isso na nuvem, mas não é só.

Todas as funcionalidades do mais velho estão no mais novo. E ele possui outras, como:

  • Documentação;
  • Wikis;
  • Rastreamento de problemas;
  • Pull Requests, onde é possível se fazer comentários e revisões do código;
  • Histórico de commits.
Curiosidade

Além destas, outras funcionalidades ajudam na praticidade do GitHub, como a possibilidade de ver arquivos Photoshops serem vistos e comparados em versões diferentes, realizar pequenos websites com o GitHub Pages e ter notificações por email. 

12-rejeicoes-de-nota-fiscal
12 principais rejeições de nota fiscal que toda Software House deve conhecer

Você sabia que, ao tentar emitir uma nota fiscal eletrônica, ela pode ser rejeitada pela Sefaz? E se eu te disser que rejeições assim acontecem com frequência?

Mas por que isso acontece? Como evitar e resolver esses impasses?

Neste eBook gratuito, explicamos todos esses questionamentos e montamos uma lista com as 12 principais rejeições de nota fiscal e como a sua Software House deve proceder para solucionar cada um deles. Confira!

Que tal entender alguns termos?

A linguagem de alguns termos desse universo é muito própria que, para quem não está habituado, pode gerar confusões. 

Por isso, siga um pequeno glossário dos principais termos que você encontra quando for usar o Github.

Repositório

Esse é um termo bem conhecido nesse mercado de tecnologia, mas não só. 

Repositório é o local em que todos os arquivos de um projeto são armazenados, com URL exclusiva. 

Aqui, é guardado tudo o que for do projeto: código, áudio, imagens... 

Fork

O forking é fazer um projeto baseado em um outro. Muito usado para incentivar o desenvolvimento de softwares entre a rede. 

Isso acontece quando você encontra um projeto para o qual quer contribuir, mas dividindo o repositório e fazendo as alterações que desejar. É como criar uma bifurcação em um caminho, no caso o projeto e você seguir um novo rumo a partir dele. 

Pull request

Depois que você fez o fork de um projeto no GitHub e quer ser reconhecido pelos desenvolvedores originais, você faz um pull request. 

É uma solicitação de recebimento em que os programadores originais podem aprovar ou não o seu projeto “forkiado” do original. 

Tudo isso com um canal claro, fornecido pelo GitHub, entre você e os desenvolvedores originais. 

O Github é certamente uma plataforma que contribui muito com o momento que o mundo está passando. 

Além de ser uma boa forma de se trabalhar remotamente dentro de um mesmo projeto com outras pessoas, de lugares diferentes, é possível ter a segurança de dados todos armazenados na nuvem. 

E o Github é só mais um sistema dentro do universo de possibilidades da tecnologia. E para você conhecer outro, leia este texto sobre webhook e entenda mais sobre um recurso de automação que é uma mão na roda de todo desenvolvedor. Aproveite.

Vivencie uma nova experiência em monitoramento de notas fiscais eletrônicas!

Os maiores ERPs e SaaS, como a TOTVS e a Conta Azul, já utilizam a API do eNotas Gateway. E você? Vai ficar de fora dessa?

Conheça o eNotas Gateway!
Avatar
Rafael Versiani - Escritor, produtor de conteúdos, entusiasta da vida real e amante de ficção científica!
Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba conteúdos automágicos sobre o seu mercado por email.
Ilustração de personagem assinando newsletter

Receba conteúdos automágicos sobre o seu mercado por email em primeira mão!

Utilizamos nossa tecnologia para dar mais liberdade às empresas que querem crescer rapidamente focando no que fazem de melhor no mundo, enquanto cuidamos de suas notas fiscais.