Sistema para restaurante: o que é e como escolher o melhor?

Os desafios em se administrar empresas como um restaurante são grandes. É preciso estar atento a tudo, desde detalhes de estoque ao atendimento do cliente final. Além disso, é essencial relacionar-se bem com fornecedores e acompanhar as tendências que moldam o mercado. 

Para enfrentar esses desafios e não sair por baixo, as tecnologias oferecem possibilidades que são grandes aliadas do gestor. Dentre elas, o sistema para restaurante é uma opção para automatizar tarefas e ter mais tempo para focar no negócio. 

Como é? Não sabe o que é ERP e como ela pode te ajudar a administrar tudo em seu negócio?

Calma que você saberá mais sobre o assunto neste texto.

O que é um sistema para restaurante?

Trata-se de um ERP, (Enterprise Resource Planning), que, no bom português é traduzido para Planejamento de Recursos da Empresa. Que, por sua vez, significa facilidade de processos. 

É um software que permite administrar todas as operações de seu empreendimento com facilidade, reunindo informações em um único lugar. Desde o controle de estoque, passando por fluxo de caixa, até chegar no prato do seu consumidor. 

O sistema de gestão facilita a sua vida para que você foque em tarefas estratégicas e fique livre para servir melhor seu consumidor. 

Automatizar processos? Para que?

Sim, a principal vantagem em se ter um sistema para restaurante é reduzir as atividades manuais na sua rotina. 

sistema para restaurante - gif

Não, calma... não é bem isso.

O que um ERP proporciona é a automação de processos gerenciais que muitas vezes são burocráticos. E isso te dá muitas vantagens.

Redução de erros

As operações manuais são, muitas vezes, as causas de erros de cálculo ou de preenchimento de dados. Com um sistema para restaurantes, você padroniza processos repetitivos e morosos. 

Isso garante mais acertos em relatórios de fluxo de caixa, por exemplo. E, quando se reduz os erros, diminui-se o retrabalho — ganhando, claro, tempo. 

Melhoria a produtividade

A maior vantagem de um ERP, provavelmente, é a centralização das informações que envolvem sua empresa. Essa característica permite que o gestor acompanhe tudo que acontece, seja a entrada de novos alimentos no estoque ou o fechamento do caixa no final do dia. 

Os outros usuários do sistema saem ganhando também. Em apenas alguns cliques, é possível gerar relatórios, atualizar informações e atender melhor o consumidor.

Você se “livra”, por assim dizer, de tarefas que demorariam muito tempo e fica livre para alinhar o atendimento dos garçons, o frente de caixa, reanalisa o cardápio e pode se relacionar melhor com quem frequenta seu negócio.

Em outras palavras, toda a equipe torna-se mais produtiva. 

Otimização investimentos 

Com os acertos de um bom relatório e um tempo melhor para analisar os resultados do negócio, você pode estudar os melhores investimentos a serem realizados. 

Isso porque um sistema para restaurante deve oferecer uma ferramenta de acompanhamento financeiro, que analise desde o caixa até os pratos que mais dão retorno — os que valem o custo-benefício. 

Nessas horas, você entende qual é o melhor momento para contratar funcionários, reformar a cozinha ou abrir uma franquia também. 

Melhoria da gestão financeira

Graças à integração de processos, você pode analisar com mais calma toda a vida financeira de sua empresa. Você também consegue prever investimentos e receitas e otimizar o seu capital de giro

Potencialização do atendimento

Além disso, como sua empresa lida diretamente com o público — e com uma necessidade exigente que é a fome —, você pode se dedicar melhor ao atendimento. 

Com a automatização dos processos, o time consegue acompanhar melhor como anda a repercussão de sua empresa na internet, a responder avaliações e poder ir à mesa de um cliente especial e saber como foi a experiência em seu restaurante. 

Além disso, muitas marcas de ERP para restaurantes oferecem serviços que melhoram a experiência das pessoas em seu empreendimento, como cardápios digitais e totens de autoatendimento. 

E isso é fundamental para acompanhar a evolução do setor. Segundo uma pesquisa da Cielo, o setor cresceu 3,2% no primeiro trimestre de 2019. Clientes satisfeitos indicam o seu restaurante e tendem a retornar com maior facilidade. 

Melhoria do estoque

O estoque é sempre um assunto sensível a ser tratado em restaurantes. São vários detalhes: organização, prazos de validade e limpeza do local. Além disso, está diretamente ligado ao que você serve no dia a dia para as pessoas. 

É, de fato, uma questão importante e que requer muito cuidado ao lidar, não é?

Com a ferramenta, você acompanha todas as entradas e saídas de suprimentos. É possível, por exemplo, estabelecer limites máximos e mínimos para cada mercadoria, facilitando a descoberta do momento ideal para um novo pedido de compra. 

O que ERP para restaurante precisa me servir?

Para que você tenha todos esses benefícios (e outros mais) em sua empresa, é preciso que o sistema escolhido tenha boas funcionalidades. Algumas podem ser básicas, mas que farão você ganhar muito! 

Gerenciamento de mesas e de comandas

Se tem algo que você não pode abrir mão é da qualidade dos serviços oferecidos ao seu cliente. Isso significa que você precisa ter uma ferramenta que controla o atendimento das mesas e das comandas. 

Essa também é uma parte sensível da vida do gestor de restaurante. Isso porque é bem chato quando algo dá errado na mesa: pedidos errados ou contas feitas incorretamente.

Além de evitar falhas, você ainda consegue agilizar o pedido: no mesmo instante que alguém o realiza, o garçom pode confirmar com a cozinha com o uso de um aplicativo no celular ou em um desktop.

Controle de estoque

Aqui está ele de novo. Lembra de quando você leu sobre o estoque por aqui? Sim, você precisa se lembrar dele na hora de analisar as opções no mercado para um sistema para restaurante. 

Nesse caso, você precisa estar atento ao formulário que o software oferece. Se ele possui a personalização para as suas necessidades, que muitas vezes variam de acordo com o segmento do restaurante. 

Como cada bar tem pratos, clientes e cenários diferentes, a gestão de estoque precisa se adaptar ao seu contexto, certo?

Fluxo de caixa

Como todo bom empreendedor sabe, o fluxo de caixa é o coração do negócio. É daqui que sai tudo o que mantém vivo a sua empresa: o capital de giro. Por isso, o sistema para restaurante que você busca deve fornecer as melhores ferramentas para gerar e controlar o seu caixa. 

Integração com serviços delivery

Hoje, a tecnologia permite os mais diversos tipos de confortos para os usuários. E poder ter a comida que você oferece em seu restaurante no conforto de casa é uma delas. 

O que não faltam são aplicativos que fazem o trabalho de pegar um pedido e entregar até o usuário,  como o Ifood ou Rappi. Um levantamento do Sebrae indica que o delivery movimenta R$ 11 bilhões por ano. 

E você não pode ignorar o poder que esses apps têm sobre a tomada decisão de uma pessoa. Portanto, na hora de escolher a melhor plataforma, lembre-se de que ela deve permitir a integração com esses dispositivos, o que facilita a sua vida e a do cliente. 

Boa interface

Você está optando por ter um software de gestão para sua empresa para te facilitar a vida. Não adianta ter um sistema confuso, que não seja intuitivo e prático na rotina dos usuários, né?! 

Então, analise se a experiência do usuário é simples, já que você não pode perder tempo buscando funcionalidades. 

Atendimento especializado

Bom, verdade seja dita: a implementação de um ERP pode ser um grande choque para sua equipe no primeiro momento. Mesmo após se acostumar ao uso, é muito importante que a empresa contratada dê suporte técnico e treinamentos. E, ao longo do contrato, eles devem estar disponíveis para  atendimentos de urgência também. 

Emissão de notas fiscais

Emitir notas fiscais é outro ponto essencial de um software para bares e restaurantes. A geração do documento deve ser imediata, sem atrapalhar a experiência do cliente com esperas. 

Por isso, analise como o sistema emite notas fiscais e, principalmente, se ele está preparado para atender cenários diversos, como o SAT Fiscal em São Paulo

Quais os melhores sistemas para restaurantes?

Depois disso tudo, chegou a hora de saber quais são as marcas mais usadas no mercado e que podem cair como uma luva para seu empreendimento. 

Saipos

sistema para restaurante - saipos

A Saipos é um software brasileiro que oferece muito do que leu aqui, além de impressão de cupons fiscais e um sistema de controle de caixa. A empresa tem produtos diferenciados para os diferentes tipos de empreendimento, como pizzarias, deliverys e restaurantes. 

Para saber de seus planos e preços, é preciso entrar em contato com a própria Saipos.

Grand Chef

sistema para restaurante - grandchef

A Grand Chef pensa em tudo o que acontece dentro de seu restaurante, desde comandas eletrônicas, controles de insumo, cadastros de promoções e, até mesmo, naquela pessoa que gosta de ser atendido no balcão!

Ela tem 3 planos, que variam de acordo com o tempo de contrato: mensal (por R$ 50), semestral (R$ 280), plano anual (R$ 530). 

Ainda há uma versão teste, para você ter a certeza que o Grand Chef é o ERP ideal para você.

Goomer

sistema para restaurante - goomer

Mais um software que entrega um complexo sistema para restaurante. O Goomer está presente em mais de 70 cidades do país, atendendo os mais variados tipos de empresas do ramo. 

Ele se destaca por oferecer totens de autoatendimento, aumentando as possibilidades de uma experiência diferenciada e mais prática ao consumidor final. Além do totem, há também o cardápio digital, que permite a realização de um pedido sem a presença do garçom.

Para contratar ambos os serviços, é preciso solicitar orçamento. 

Linx

sistema para restaurante - linx

A Linx é uma empresa conhecida por oferecer ERPs para diversos setores, como os sistemas para posto de combustível.  E não poderia ser diferente o setor alimentício. 

O cardápio de ofertas que a plataforma oferece é vasto e vai além de sistemas para restaurantes. 

A plataforma oferece recursos para os mais variados de segmentos do ramo, em que você pode solicitar uma solução para gestão de operações, experiências do consumidor, gestão financeira, pagamento e mobilidade.

Por isso, invista um tempinho para saber das diversas soluções disponibilizadas pela Linxs.

Com a leitura deste post, você percebeu as inúmeras vantagens que um software de gestão proporciona em sua empresa. E, se você quer adquirir um sistema para restaurantes, você sairá satisfeito com essas dicas.

E então, o que você achou deste conteúdo? Conta aí nos comentários!

About the Author

Gabriel Nascimento - Analista de marketing, engenheiro civil por formação e eterno aprendiz de novos idiomas!

>