LEGISLAÇÃO
NOTAS FISCAIS

Qual é a hora certa para automatizar sua emissão de nota fiscal?

Atualizado há mais de 1 semana

(Clique no player para o ouvir a narração do nosso post!).

É bem comum que empreendedores digitais tenham dúvidas sobre quando devem automatizar sua emissão de nota fiscal.

A emissão de nota fiscal é um processo por vezes complicado que exige um alto grau de atenção.

Em algumas empresas, existem funcionários específicos para cuidar desse processo e, em alguns, casos chegam a levar um dia inteiro para conseguir emitir a nota.

Com a automatização da emissão de nota fiscal, você coloca esse procedimento nas mãos de um serviço especializado

O post de hoje é destinado a quem vende online e não sabe se deve ou não automatizar a emissão das NF-es. Se você encaixa nesse perfil, está no lugar certo. Acompanhe!

O que significa automatizar a emissão de nota fiscal? 

Automatizar  a nota fiscal significa tornar o procedimento de emissão da nota imediato. Ou seja, você receberá a nota fiscal sem precisar gastar tempo de trabalho completando todo passo a passo. 

A nota fiscal é um documento essencial para os empreendedores. As empresas são obrigadas a apresentar aos órgãos públicos a sua receita, e a nota fiscal é parte importante desse processo. 

Hoje, para emitir cada tipo de nota fiscal existe um trâmite específico. Cada cidade e estado apresentam seu próprio serviço de emissão, com procedimentos muito diferentes. 

Portanto, se você precisar emitir uma nota em diferentes cidades ou estados, você terá que primeiro estudar e pesquisar como funciona o processo em cada um deles. Além de realizar todo passo a passo para isso.  

Além disso, a emissão manual de nota fiscal tem mais chance de apresentar erros e inconsistências na emissão. Isso, por vezes, gera retrabalho para equipe e até multas.  

Com a emissão automática da nota, você deixa todo procedimento nas mãos de quem detém esse know-how. Muito melhor, não?

Como emitir nota fiscal automaticamente? 

Para emitir a nota fiscal automaticamente a melhor alternativa é investir na contratação de serviço que faça isso para a sua empresa. Isso reduz o tempo que você gastaria com trâmites burocráticos e aumenta o tempo focando no desenvolvimento do seu produto. 

O mercado já oferece soluções práticas para quem está escalando o seu negócio e não pode perder tempo com questões relacionadas a impostos, data de emissão e de competência, instabilidades nas prefeituras e muito mais. 

Na eNotas oferecemos dois sistemas para a emissão da nota fiscal: o eNotas emissor e o eNotas Gateway



Quando devo automatizar a emissão de nota fiscal?

Ainda tem dúvida se deve ou não apostar na emissão automática da nota fiscal?

Confira cinco pontos que indicam que está na hora de investir na automatização: 

1. Você emite pelo menos 5 notas fiscais por dia 

Se você emite pelo menos 5 notas fiscais por dia, ou seja, em média 100 documento por mês, já adiantamos: está na hora de automatizar esse processo! 

Você já deve ter passado muita raiva quando o site da prefeitura sai do ar ou apresenta qualquer tipo de instabilidade, não é mesmo?

Aí você perde horas e horas para gerar cada nota fiscal —  uma por uma. Além disso, é comum que surjam algumas dúvidas no momento da emissão, o que pode ser um fator complicador.

Depois, ainda é preciso enviar para o e-mail de cada cliente manualmente, já que a prefeitura não faz isso. 

Imagine se pudesse investir esse tempo em tarefas que realmente demandam esforço, como marketing, vendas e financeiro? 

Ao automatizar sua emissão de nota fiscal, isso vira realidade, já que é o software que faz o trabalho chato e burocrático para você.

Enquanto isso, você está desenvolvendo estratégias de marketing de conteúdo, atendimento de qualidade, gerenciamento de equipes e muito mais.

2. Você precisa de um funcionário exclusivo para emitir NF-e

Como empreendedor, você deve saber que os gastos com a contratação de pessoal são altos, não é mesmo?

Por isso, alocar um funcionário exclusivamente para emitir suas notas fiscais é algo que pode aumentar os seus custos, sendo desnecessário.

O emissor especializado em NF-e, como o eNotas, consegue gerar os seus documentos fiscais automaticamente sem que uma pessoa seja responsável por essa função.

Essa pode ser uma oportunidade de motivar a sua equipe, já que essa pessoa pode ser direcionada para tarefas mais importantes e estratégicas da empresa. Assim, ela se sentirá mais valorizada e fará o trabalho com mais empenho e dedicação.

3. Você tem coprodução e tem problemas no recolhimento de impostos

Quando você tem várias pessoas envolvidas no processo de produção de um infoproduto, é comum que um imposto seja pago diversas vezes, o que é um problema.

Infelizmente, esse é um obstáculo tanto nas vendas online, quanto nas offline. Por cada um que emitir a sua nota fiscal, os impostos são recolhidos diversas vezes de forma desnecessária.

Isso é comum de acontecer em  transações que envolvem coprodutores e afiliados. Geralmente, quem assume esses custos é o produtor principal que emite a NF-e no valor total da venda em nome do comprador e arca com todos os encargos.

Mas, para resolver a questão, o eNotas é configurado para distribuir automaticamente a responsabilidade do documento fiscal entre os demais envolvidos, considerando o percentual de cada um.

Veja como funciona no nosso artigo: Nota fiscal eletrônica para coprodutores: saiba como emitir a sua.

atenção!

 A funcionalidade de coprodução não é automática. Entre em contato com o nosso suporte para habilitar essa função.

4. Você e seu contador não possuem uma comunicação eficiente 

Em relação ao contador, o primeiro ponto que devemos destacar é o conhecimento sobre o mercado digital. 

É de extrema importância que você conte com um profissional que entenda de negócios online, que seguem regras e possuem especificações bem distintas das empresas tradicionais.

Porém, mas se mesmo assim, você sente que a comunicação com o seu contador não é eficiente, automatizar sua emissão de nota fiscal pode ser a solução! Dentro do painel do software, o profissional tem acesso a todos os documentos emitidos.

Dessa forma, você e ele compreendem melhor os números da sua empresa e conseguem estabelecer estratégias para manter o negócio legalizado sem ter que pagar tantos impostos.

5. Você não consegue gerenciar suas notas fiscais dentro do seu meio de pagamento

Você vende por algum meio de pagamento, mas na hora de emitir as suas notas fiscais você tem dificuldade por estar em ambientes distintos?

Você sabia que é possível integrar facilmente o eNotas à plataforma que você utiliza para que todas as informações sejam visualizadas em um único local?

Com apenas 2 cliques você se conecta à Hotmart, Pagar.me, Moip, iugu, PagSeguro, Boleto Simples e tantos outros!

Depois disso, assim que uma venda for realizada, o seu documento fiscal será gerado automaticamente e estará no mesmo sistema.

Muita praticidade para quem não tem tempo de lidar com tantas questões complexas, não é mesmo? Esse é mais um benefício da automação de NF-e utilizando um software especializado. 

Conclusão

E aí, se identificou com pelo menos algum desses pontos? Se sim, então essa é a hora de automatizar sua emissão de nota fiscal eletrônica, já que faz o processo manualmente é algo bem inviável.

Em contrapartida, se você ainda emite poucas notas, esse pode não ser o momento.

A automatização traz inúmeros benefícios para a sua empresa e ainda faz com ela se mantenha legalizada sem exigir um grande esforço da sua parte. Aproveite!

Quer vivenciar a melhor experiência em emissão de notas fiscais da galáxia?

Então não perca tempo e conheça o eNotas!

Quero conhecer melhor as funcionalidades do eNotas



Avatar
Gabriel Nascimento - Analista de marketing, engenheiro civil por formação e eterno aprendiz de novos idiomas!
Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Utilizamos nossa tecnologia para dar mais liberdade às empresas que querem crescer rapidamente focando no que fazem de melhor no mundo, enquanto cuidamos de suas notas fiscais.