remarketing
CONVERSÃO

Como utilizar o remarketing em um negócio digital?

Atualizado há mais de 3 semanas

Remarketing é uma estratégia utilizada no universo do marketing digital. A sua principal função é exibir anúncios para os usuários que demonstraram interesse nos produtos da empresa ou que tiveram algum contato com a marca.

A técnica permite que sejam exibidos anúncios aos usuários após eles terem o primeiro contato com o seu empreendimento. O objetivo é maximizar o ROI (Retorno sobre Investimento) do empreendimento.

Quer saber como isso funciona? Então, você está no post certo. 

O que é o remarketing?

Você já acessou um site e, após isso, recebeu diversos anúncios com produtos daquela marca ou mercadorias semelhantes? Pois então, os anúncios que “perseguem o usuário” são o remarketing.

Remarketing, hoje, é uma das técnicas que possibilitam maior porcentagem de recuperação de vendas. Além disso, otimizam os funis de venda e o relacionamento com o cliente.

Um dos motivos para utilizá-lo é refrescar a memória do potencial cliente e facilitar a interação e a decisão de compra, afinal, são diversos as razões que levam um cliente a decidir por um produto na internet, não é mesmo?

Qual a importância do remarketing?

O remarketing permite aumentar as vendas por meio da lembrança da sua marca, reconectando os potenciais consumidores a partir de anúncios relevantes em diversos dispositivos, como celular, tablet e desktop.

Alguns usuários não finalizam uma venda na primeira visita a um site, e é aí que entra o remarketing. Quando um usuário recebe um anúncio sobre um produto que tem interesse ou que já visualizou antes, as chances de conversão são maiores.

Desse modo, a estratégia coloca a sua marca presente na rotina do potencial cliente enquanto ele ainda está no processo de decisão e influencia diretamente a tomada da atitude.

Ninguém entra no site de uma empresa, coloca um curso online ou um livro no carrinho e desiste atoa. Por mais que você não conheça o motivo da desistência, pode ter certeza que, em algum momento, aquela pessoa desejou finalizar a compra.

Nessas horas, o remarketing é uma poderosa ferramenta para trazer esses clientes de volta e manter-se a vista no mercado.

Como funciona?

O remarketing, muitas vezes, é visto como uma ferramenta de pouca utilidade, mas quem pensa assim, certamente, perde ótimas oportunidades de conversão. Além de colocar a sua marca na frente dos concorrentes, a estratégia também te posiciona no centro da visão do seu público-alvo.

Antes de criar uma campanha remarketing, é necessário que a plataforma escolhida tenha informações dos usuários, pois, é dessa forma que elas conseguem personalizar cada anúncio pela pesquisa ou acesso realizado.

Após o potencial cliente ter o primeiro contato ou interação com a sua marca, como acesso ao seu site, blog ou loja virtual, você inicia o remarketing, que pode ocorrer em forma de anúncios e até mesmo emails direcionados com promoções e ofertas.

Para esses casos, o Google Ads fornece pontos oportunos para direcionar corretamente o conteúdo aos clientes pelo seu site.

Uma das formas de iniciar as campanhas de remarketing é aproveitar as suas listas de emails. Elas são um canal de interação interessante entre a sua empresa e o cliente, pois, possibilitam recuperar carrinhos abandonados, por exemplo, e também exibir anúncios que direcionam a novas compras e influenciam a conversão.

Com isso, é possível realizar campanhas de alto alcance e também exibir seus anúncios a diversas pessoas ao mesmo tempo e em inúmeros dispositivos, seja na versão mobile ou desktop.

O que é pixel de remarketing?

É um código incluído nos anúncios. É utilizado no marketing digital para acompanhar o comportamento dos consumidores e passar informações sobre a conversão e o mapeamento das ações do potencial cliente na sua página.

Utilizando o pixel de remarketing, é possível direcionar os anúncios criados eficientemente. Com isso, você receberá dados detalhados das ações dos usuários no seu site ou página.

Os principais motivos do uso de pixels, são:

  • análise web;
  • cálculo de visitas;
  • cálculo de conversão e interação.

 Com a instalação desses pixels, você automatiza os processos de remarketing, capturando as informações dos usuários que acessarem o seu site por meio de cookies.

Como utilizar o remarketing em um negócio digital?

As campanhas de remarketing, como você aprendeu, são criadas com o intuito de converter potenciais clientes ou incentivar novas compras. Diante disso, definir o público da sua campanha e personalizar os anúncios é fundamental para que a sua estratégia traga lucro.

O remarketing pode ser utilizado para todos os de negócios, inclusive os empreendimentos digitais. E, diferentemente do que parece, aplicá-lo é simples, e funciona diferentemente em cada plataforma.

Veja alguns dos seus principais exemplos:

Google AdWords

Para iniciar uma campanha de remarketing no Google AdWords, é necessário inserir uma “Tag de Remarketing”, que deve ser configurada diretamente na plataforma. Entenda como isso funciona:

  1. Na sua conta do Google AdWords, clique na guia “Campanha”;
  2. Em seguida abra a guia “Biblioteca Compartilhada” e clique em “Públicos-alvo”;

Neste menu, será possível configurar o remarketing, e os passos seguintes dependerão do seu conhecimento em desenvolvimento HTML.

Caso seja um desenvolvedor que fará o gerenciamento desta campanha, clique em “Enviar para” e insira o email do seu desenvolvedor para que ele encaminhe a Tag HTML para ser adicionada ao site.

Caso você mesmo gerencie e desenvolva o HTML, é só clicar em “Visualizar Tag”, copiar o código e inserir esse código nas páginas do seu website antes da tag de fechamento  </body>.

Obs: Caso o seu  website utilize arquivo comum, como rodapé, é necessário inserir o snippet de código diretamente nesse arquivo em vez de inserir em todas as páginas.

Após essa configuração, a tag configurada coletará informações por meio dos cookies e começará a preencher a aba “Todos os visitantes”, fornecendo os dados dos internautas que tiveram contato com a sua página.

No caso de dúvidas sobre como configurar os seus anúncios, o Google disponibiliza informações mais detalhadas sobre os procedimentos e também um portal de ajuda aos usuários da plataforma acessando a Central de Ajuda.

Facebook Ads

O primeiro passo ao criar uma campanha de remarketing no Facebook é definir o público que a sua campanha deve impactar.  Para isso, é necessário criar listas personalizadas com condições para exibição.

Então, é só acessar o “Gerenciador de anúncios” do Facebook e clicar em “Públicos”. Ao definir o público, é importante lembrar que o público do remarketing são as pessoas que já tiveram um primeiro contato com a sua marca e podem ou não ter convertido.

Você pode definir condições, como “usuários que…”:

  • acessaram X páginas;
  • incluíram X produtos no carrinho;
  • assinaram a newsletter;
  • compraram o produto x.

Depois disso, estabeleça o catálogo de produtos que será exibido e instale o Pixel do Facebook, que é uma ferramenta que permite analisar a performance do seu anúncio e entender como o usuário navega pela sua página.

Agora que todos os passos foram executados, é o momento de criar o anúncio para ser exibido:

  • Abra sua conta Facebook Ads;
  • Clique em “Criar um Anúncio”;
  • Abra a aba “Públicos” e selecione o público definido anteriormente.
  • Defina o orçamento e o tempo que deseja manter no ar a sua campanha.

Saiba que o anúncio também pode ser divulgado no Instagram, basta que você selecione a opção também.

Conclusão

Com este conteúdo, você aprendeu que, ao optar por vendas online, é importante tirar proveito de todas as ferramentas disponíveis, gerenciar as campanhas de marketing e também de remarketing.

Não é novidade para ninguém que anúncios chamam a atenção, entretanto, o remarketing, muitas vezes, pode ser visto como uma estratégia pouco eficaz, mas não é bem assim, né? O remarketing é uma ferramenta eficaz na divulgação dos seus produtos e conversão dos seus potenciais clientes.

Agora, coloque em prática o que você aprendeu e analise o desempenho de suas vendas.

Gostou deste post? Então, siga as nossas redes sociais: estamos no Facebook, LinkedIn e Instagram!

Larissa Ester - Estagiária de marketing, sempre em busca de aprendizado. Apaixonada por marketing digital e criação.
Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Ilustração de personagem assinando newsletter

Receba conteúdos automágicos sobre o seu mercado por email em primeira mão!

Utilizamos nossa tecnologia para dar mais liberdade às empresas que querem crescer rapidamente focando no que fazem de melhor no mundo, enquanto cuidamos de suas notas fiscais.