Pagar.me: tudo o que você precisa saber

Para quem vende online, quanto mais formas de pagamento oferecidas, maiores podem ser as chances de aumentar as vendas. E não basta proporcionar diversidade. Quem compra pela internet, busca praticidade e segurança nas transações e é exatamente o que o Pagar.me oferece.

A ferramenta é uma excelente solução para diversos tipos de negócio. Se você está pensando em implementá-lo, mas ainda está em dúvida, o post de hoje é ideal para você!

Acompanhe as informações e saiba como funciona o Pagar.me, quais as taxas cobradas, facilidades, vantagens e muito mais. Confira!

O que é o Pagar.me?

O Pagar.me é a uma das formas mais simples de receber seus pagamentos online. O sistema foi criado em 2013 e, inicialmente, atuava apenas como um gateway de pagamento.

Hoje, ele é um intermediador e conta com as facilidades de ser um subadquirente, ou seja, é responsável pela intermediação de pagamentos entre os lojistas, clientes e adquirentes.

Você precisa apenas ter um único contrato ativo com o Pagar.me para aceitar várias formas de pagamento em seu negócio.

O sistema é compatível com qualquer site com código aberto. Além disso, pode ser implementado nas plataformas Magento, Opencart, Woocommerce, Prestashop, Dotstore, Vtex,  Loja Integrada e Beta Labs.

Veja um exemplo como habilitar a integração entre Pagar.me e Loja Integrada:

O Pagar.me é indicado para quem?

Como vender com o Pagar.me?

Para utilizar o Pagar.me, você precisa se inscrever na plataforma com um CNPJ, sendo pessoa jurídica ou MEI.

Os cadastros jurídicos devem possuir uma conta bancária atrelada ao CNPJ. Já quem for um Microempreendedor Individual, pode ter uma conta bancária pessoa física, desde que esteja vinculada ao CPF utilizado no MEI.

Os pagamentos podem ser realizados  via boleto bancário e cartão de crédito. No cartão, há possibilidade de parcelamento em até 6 vezes. São aceitas as bandeiras Visa, Mastercard, American Express, Elo, Hipercard, Diners, Discover, Aura e JCB.

Quais as vantagens em utilizar o Pagar.me?

Conheça algumas das vantagens em utilizar o Pagar.me em seu negócio digital:

1. Provedor de Serviços de Pagamento (PSP)

O Pagar.me é a única solução nacional que oferece a alta performance dos gateways aliada à facilidade de integração e cruzamento de dados, informações bancárias e fluxo de dinheiro entre lojista, bancos e compradores - que é o chamado Provedor de Serviços de Pagamento (PSP).

É simples de entender: se um gateway de pagamento oferece alta conversão, quase sempre sua integração é mais complicada. Daí faz-se necessária a contratação de desenvolvedores e afiliação aos adquirentes (empresas que repassam aos lojistas o que foi recebido via cartão de crédito e débito, como Rede, Cielo, Stone, etc), o que pode demorar meses.

Se você optar por instalar um intermediador de pagamentos, o processo é até mais fácil, porém, a taxa de conversão é menor. Nesse cenário, o PSP une as duas vantagens (fácil integração + alta conversão) e otimiza o sistema de pagamentos.

2. Antecipação de recebíveis

Todas as vendas parceladas recebidas pelo Pagar.me podem ser antecipadas. Trata-se da antecipação de recebíveis. A tarifa de antecipação sempre é proporcional ao período ao qual a parcela está sendo antecipada.

Por exemplo, considere uma compra parcelada em três vezes:

  • Para antecipar a primeira parcela, há a incidência da taxa de antecipação uma vez.
  • Para adiantar a parcela número 2 dessa mesma venda, são antecipados 60 dias, incidindo a taxa multiplicada por 2.
  • Já para antecipar a parcela número 3, o valor da antecipação será multiplicado por 3.

Assista o vídeo abaixo e veja como funciona:

3. Facilidade para marketplaces

Se você possui um marketplace e quer gerenciar vários pagamentos de diferentes fornecedores, o Pagar.me também é uma solução interessante. É possível configurar porcentagens e valores específicos para cada vendedor do marketplace.

Os vendedores não precisam possuir uma conta no Pagar.me, já que plataforma efetua os acertos diretamente em suas contas bancárias. Inclusive, é possível criar diversos recebedores e não há limites. No entanto, você precisa vincular contas bancárias diferenciadas a cada um deles!

Baixe agora: Guia Rápido de Nota Fiscal Eletrônica para Marketplaces e Negócios Digitais

Guia Nota Fiscal para Negócios Digitais e Marketplaces

4. Análise antifraude automática

O Pagar.me dispõe de um sistema de análise de antifraude, que funciona automaticamente. Unindo um ou mais padrões de informações, o sistema consegue identificar se uma compra pode ser fraudulenta.

Uma vez detectada a possibilidade de fraude, a venda é barrada pelo sistema. Há casos de falsos-positivos, ou seja, bloqueios por engano. Nessas ocorrências, basta entrar em contato com a plataforma e informar o ocorrido.

Os vendedores não têm acesso ao motivo específico que bloqueou a compra. Entretanto, a negativa pode estar relacionada ao valor do ticket, número de tentativas consecutivas, histórico do comprador e informações do cartão de crédito.

A funcionalidade também conta com o alerta de fraude, que é um aviso repassado pela operadora de cartão de crédito quando há mais de 95% de chances de uma transação ser fraudulenta. Quando isso acontece, o Pagar.me opta por cancelar a venda em vez de arriscar na aprovação e sofrer com estornos e chargebacks futuros.

5. Chargebacks

Outra grande preocupação de quem vende online são os chargebacks, que são as contestações de compra feitas pelo cliente. As bandeiras de cartão de crédito atribuem alguns códigos para os motivos disso, que podem ser:

  • Desacordo comercial
  • Erro de processamento
  • Erro de autorização e fraude

Dependendo do motivo, o vendedor deverá apresentar certos documentos e formalizar a representação para que o valor da compra seja posteriormente recuperado.

O Pagar.me, em função da segurança oferecida aos seus parceiros, dá algumas dicas de como evitar chargebacks e futuros prejuízos em seu negócio:

  • Ofereça prazos de entrega que possam ser realmente cumpridos.
  • Mantenha sempre contato com o comprador através de canais acessíveis.
  • Faça estornos amigavelmente sempre que tiver problemas com entrega ou devolução de produto.
  • Utilize empresas de entrega confiáveis.
  • Opte por personalizar o nome da sua loja na fatura. Assim, as chances de não reconhecimento da compra são menores. O Pagar.me ofece esse recurso!

6. Exportação de dados financeiros

O Pagar.me é uma solução completa. Além de processar e gerenciar seus pagamentos, você consegue analisar todas as movimentações de forma clara e transparente. Basta escolher o período que deseja consultar e o tipo de transações (atuais ou as que ainda irá receber).

Os relatórios com os dados financeiros também podem ser exportados. Há dois formatos disponíveis: CSV ou Excel .

7. Pagamentos recorrentes

Para negócios que exigem pagamentos recorrentes, as funcionalidades do Pagar.me são bem atrativas. É possível personalizar suas assinaturas e gerenciá-las através de um painel simples e intuitivo.

Definindo o tipo de assinatura ideal para suas vendas, você pode planejar as cobranças e escolher em qual periodicidade elas serão enviadas, se em 30, 60 ou 90 dias.

O pagamento não foi aprovado em uma primeira tentativa? Não há problema! A plataforma conta com as chamadas “retentativas inteligentes”, que seguem enviando as cobranças para o cartão de crédito cadastrado e, também, dos boletos bancários. Tudo isso para garantir o mais elevado número de aprovações.

E ainda há mais vantagens nos pagamentos recorrentes:

  • Possibilidade de oferecer versão de testes para os clientes: eles podem testar o seu produto gratuitamente antes da cobrança.
  • Permissão de upgrade ou downgrade pró-rata de planos: o cliente pode mudar sua opção sempre que quiser, sendo cobrado apenas pelo o que consumir.
  • Vendas via cartão de crédito ou boleto: alterações dos meios de pagamento sempre que o cliente quiser.

8. Checkout transparente

Para complementar a melhor experiência do usuário em seu site, nada mais acertado do que oferecer transparência e segurança nos checkouts, certo? Com um sistema de checkout totalmente transparente, o seu cliente paga a compra sem sair do seu site, ou seja, nada de redirecionamentos.

O design do checkout também deve ser levado em conta. Há a possibilidade de optar por cores personalizadas, que deixará a ferramenta com a cara do seu negócio!

Quanto à compatibilidade, o checkout do Pagar.me funciona perfeitamente em tablets, smartphones e outros dispositivos. É a certeza não perder nenhuma compra, aumentar suas conversões e garantir a melhor experiência para quem compra com você.

Quais são as taxas para quem vende com o Pagar.me?

O Pagar.me cobra taxas personalizadas, que variam de acordo com o modelo de negócio, média de faturamento e tipo de produto comercializado. Por esse motivo, não divulga taxas fixas.

Para saber quanto você pagaria para vender com o Pagar.me, entre em contato com a empresa e forneça informações detalhadas sobre o seu negócio!

Como receber os pagamentos do Pagar.me?

Os valores recebidos pelas vendas via boleto bancário são disponibilizados na conta Pagar.me em até 2 dias úteis após o pagamento.

Nas transações com cartão de crédito à vista, o montante é liberado em 31 dias úteis após a realização do pagamento. Já nas vendas parceladas, o valor fica disponível em 31 dias para a primeira parcela, 62 dias para a segunda parcela e assim sucessivamente.

Quanto ao saque, ele pode ser feito manual ou automaticamente. No método automático, é possível definir a periodicidade das transferências (diariamente, semanalmente ou mensalmente). Na modalidade, basta fazer uma solicitação sempre que houver saldo disponível.

Saques solicitados antes das 15h, são efetivados no mesmo dia. Solicitações após esse horário são realizadas no próximo dia útil.

Transferências solicitadas para contas do Banco Bradesco são isentas de taxa. No entanto, para outras instituições bancárias é cobrada uma tarifa de R$3,67 referente ao TED ou DOC.

Como gerenciar as suas notas fiscais com o Pagar.me?

Todas as vendas intermediadas pelo Pagar.me, assim como qualquer tipo de transação comercial, devem ser justificadas por meio de notas fiscais eletrônicas.

Porém, ao contrário do que muitos imaginam, o Pagar.me não é responsável pela sua gestão fiscal, ele apenas intermedia os pagamentos das suas vendas online. Saiba mais: Como emitir nota fiscal eletrônica nas vendas realizadas pelo Pagar.me?

Por ser um assunto complexo e bem burocrático, é comum que muitos empreendedores percam noites de sonos ao falar de documentos fiscais. Mas você não precisa se desesperar, o mercado já oferece soluções inteligentes para que você não tenha que se preocupar com essas questões.

Com um software eficiente, como o eNotas, você faz a emissão das suas Notas Fiscais de Serviço de forma 100% automática sem precisar sair do Pagar.me. Em um único ambiente, você gerencia as suas vendas e os seus documentos fiscais.

Dessa forma, assim que uma compra for efetivada no Pagar.me, uma nota fiscal eletrônica é gerada automaticamente. Incrível, não é mesmo?

A partir daí, é você quem escolhe quando o documento será emitido: no ato da venda ou após a garantia. Você também pode configurar para que a nota fiscal seja enviada automaticamente para o seu cliente.

O eNotas ainda oferece outras vantagens que facilitam o controle do seu negócio: é possível gerar relatórios completos e enviá-los ao seu contador, podendo ser em PDF ou até mesmo o  XML das notas fiscais. Muito mais facilidade do que os processos manuais, não é mesmo?

Conclusão

Se você busca segurança, praticidade e mais possibilidades de pagamento para o seu cliente, o Pagar.me pode ser uma excelente opção de meio de pagamento. Junto ao eNotas, o processo de venda fica ainda mais tranquilo. Assim, sobra mais tempo para você focar no que mais interessa: vender mais!

E então, será que o Pagar.me é o meio de pagamento ideal para o seu negócio? As funcionalidades oferecidas podem te ajudar a vender mais? E se for tudo em único ambiente? Aproveite para descobrir agora como funciona a integração entre Pagar.me e eNotas.

Quer saber como funcionam outros meios de pagamento? Confira!

About the Author

Gabriel Nascimento - Analista de marketing apaixonado pela produção de conteúdo, engenheiro civil por formação e eterno aprendiz de novos idiomas!

>

Quem Aparece nas Buscas dos Seus Potenciais Clientes no Google?

...você ou seus concorrentes?